17 fevereiro 2021

[Resenha] Eu fico em silêncio - David Ouimet


 

Um livro ilustrado emocionante para leitores de todas as idades que faz uma linda homenagem aos livros e à esperança que as histórias nos trazem.

Uma garota tímida e introvertida se sente deslocada no mundo tão barulhento em que vivemos. Mas o poder da imaginação e o conforto dos livros podem trazer a esperança de que sua voz finalmente seja ouvida…
Nesta história emocionante para pequenos e grandes leitores, somos convidados a refletir sobre nosso lugar no mundo e o poder transformador que uma boa história pode ter na vida de alguém.

“Queria que este livro já existisse na minha infância; talvez tivesse me sentido menos sozinho.” - Neil Gaiman

“Este não é um livro infantil, mas antes uma experiência para todas as idades. Uma viagem visual, rica e emocionante em busca de uma resposta.” - Sonia Braga


Livro:  Eu fico em silêncio||  Autor: David Ouimet
Ano: 2021||  Editora: Companhia das Letrinhas|| Gênero: Infantil, Ilustrado
Tradução: Miguel Del Castillo ||Classificação:   5 estrelas || Resenhista: Lud

Skoob || Compre || Editora
"Queria que este livro já existisse na minha infância; talvez tivesse me sentido menos sozinho." ? Neil Gaiman


Essa frase de Neil Gaiman já fala tudo sobre esse livro. Mas, vamos tentar colocar no papel o que foi ler essa história tão cativante. 

Primeiro, não é um livro com muita parte escrita, na verdade, tudo está nas entrelinhas, você pode ler uma frase e pensar em várias coisas ao mesmo tempo, fora que a ilustração é a coisa mais linda que você irá ver, mas também um pouco assustadora. 



Esse livro conta a história de uma menina que não se encaixa em um mundo muito barulhento para ela, uma pessoa quieta, mas que consegue achar alguns lugares onde sente que pode tudo e assim, consegue deixar um pouco da tristeza do seu dia-a-dia.


Esse é um livro classificado infantil, mas acho que as ilustrações podem ser um pouco assustadoras para as crianças menores, e também acredito que não seja tão fácil entender as ilustrações, no entanto, se a criança ler junto com um adulto, isso com certeza criará abertura para diálogos e para o entendimento do que a criança possa estar passando, dos conceitos que ela está se apegando mesmo em uma idade bem menor. É uma forma de conhecer um pouco mais o pequeno humano. 


Para os adultos é uma experiência ao mesmo tempo confortadora e agridoce. Acho que muitos podem se identificar com as poucas frases, que possuem um significado bem intenso, principalmente para aqueles que desejavam, enquanto cresciam, ter um livro desse para se sentirem menos sozinhos. 


Além do livro retratar como uma criança introvertida se sente no mundo, ele também faz uma homenagens aos livros, sendo o lugar onde essa criança mais se sente segura, onde ela pode criar asas e ser o que quiser. Se isso não retrata muito de nós leitores, eu não sei mais o que poderia. 


Por isso, mesmo hoje, como adulto, você terminará esse livro com um sorriso no rosto.


“Este não é um livro infantil, mas antes uma experiência para todas as idades. Uma viagem visual, rica e emocionante em busca de uma resposta.” ― Sonia Braga

Compartilhe!

Postar um comentário





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei