29 junho 2020

[Resenha] Guerreiro Domado - Highlanders #2 - Karen Marie Moning


Um herói com um segredo...
Gavrael McIllioch nasceu em um clã de guerreiros com força sobrenatural, mas abandonou seu nome e seu castelo nas Highlands, determinado a escapar do destino sombrio de seus antepassados. Escondendo sua identidade do clã rival, ele passou a se chamar Grimm para proteger as pessoas que amava, jurando jamais demonstrar seus sentimentos pela encantadora Jillian St. Clair. Ainda assim, ele cuida dela de longe e, quando o pai da moça lhe envia uma convocação urgente, Grimm corre para estar ao lado de Jillian — a fim de participar de uma competição pela mão dela.
Uma mulher com o coração fechado...
Por que Grimm fugiu de Jillian por tantos anos? E por que voltar agora, para vê-la oferecida como prêmio no jogo de manipulações de seu pai? Furiosa, Jillian prometeu nunca se casar. Mas Grimm é o homem que ela sempre amou, aquele que pediu a ela que se casasse com outro. Ele tenta fingir indiferença às suas provocações, mas não consegue negar o desejo. Jillian é a única mulher capaz de domar a fera que vive dentro de Grimm — enquanto inimigos mortais planejam destruir os dois.

Livro: Guerreiro Domado || Série: Highlanders #2 ||Autor: Karen Marie Moning
 Editora: Verus || Ano: 2017 ||  Assunto: Romance, Highlander, sobrenatural
Classificação: 4 estrelas || Resenhista: Lud
Nesse segundo volume vamos conhecer a história do Grimm Roderick, que já aparece no primeiro livro levantando uma certa curiosidade em volta do personagem.

Grimm Roderick não é o seu verdadeiro nome, mas um que o guerreiro adota para fugir de seu passado, um passado confuso e coberto por sangue e morte. Após abandonar o seu clã depois de uma grande luta, Gravael McIllioch adota o nome de Grimm e foge para longe. Sua vida está indo como ele sempre quis, sem nenhum problema envolta do seu nome, mas tudo muda quando ele é convocado para cumprir uma promessa a muito tempo feita. 

Gravael é convocado para competir pela mão da moça, junto com outros guerreiros, e quando ele volta e encontra a moça que sempre esteve em seus pensamentos por todos esses anos, não há como negar os sentimentos. Mas será que ele sera capaz de deixar o passado e confiar nesse grande amor?



Ai como eu amo essa escrita da Karen.

Nesse livro vamos ter os Berserker como o assunto principal do livro, e eu simplesmente amo mitologia nórdica, então claro que li esse livro com um olhar mais critico, mas no final, ele totalmente me ganhou.

O que vai te ganhar aqui, definidamente é a mitologia, muito bem abordada e com várias nuances, incluindo o preconceito da sociedade daquela época que condenava essas pessoas. A Karen descreve desde a origem dessa mitologia, o que as pessoas sabiam e suas crenças, até a transformação da pessoa, de fato, em um Beserker.

Temos muitas camadas sendo mostradas para o personagem principal que é o Grimm. Ele definitivamente é um mocinho daqueles de antigamente, que simplesmente acha que a mocinha merece coisa melhor do que ele. É engraçado como ele é visto como o monstro, mas é o que tem o coração mais puro.

E a Jillian é ótima, eu adorei a personalidade dela, a ousadia, a coragem. É aquela personagem que tem muitas facetas, mas em nenhum momento se faz de vítima, pelo contrário. É justamente isso que faz da Jillian uma mocinha digna dos livros de Highlander. Fora que a leitura fica muito mais fluida  quando se tem drama nas horas certas.

Os dois como casal funcionaram muito bem, tanto nos diálogos, como em seus pensamentos individuais, e também nas cenas mais calientes do livro. É nítido o amor que eles nutrem um pelo o outro.

Os personagens secundários trazem algo a mais para o enredo, o relacionamento dos pais da Jillian, os outros guerreiros apresentados, e mais tarde, a família do Grimm, conferem diálogos inteligentes e engraçados, aliviando um pouco o turbilhão de emoções.

Definitivamente, esse livro foi melhor que o anterior e não vejo a hora de ler o próximo que contará com os templários como o tema central, e teremos mais viagem do tempo. Espero que a Verus continue a lançsr essa série, mas esse foi lançado em 2017 e depois não tivemos mais nada da autora, o que é uma pena.

Guerreiro Domado é uma ótima leitura para os amantes dos livros de highlanders, e com aquele irresistível toque sobrenatural em seu enredo.

Compartilhe!

4 comentários :

  1. Olá! Ainda não li nenhum livro dessa série, porem já está na lista de leitura faz tempo, curto muito Romance, Highlander e sobrenatural, essa sua resenha me deixou ainda mais curiosa em conferi isso tudo que foi dito aqui. Bjs

    ResponderExcluir
  2. Lud!
    Muito bom quando gostamos da escrita de uma autora e ela escreve bem, até mesmo as personagens secundárias.
    Nunca li nada da autora, mas se é como diz que ela mescla romance com mitologia, torna a leitura empolgante e interessante.
    Deve ser uma boa série.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  3. Adoro quando um livro proporciona viajar por outras culturas ou vislumbrar um pouco mais sobre determinada mitologia. Gostei bastante do enredo do livro, mas gostei ainda mais que ele mistura romance histórico com mitologia. Mas realmente é uma pena que a editora não lançou mais os livros da série.

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Ainda não li nada da autora mas estou sempre namorando esse livro. Gostei da sua resenha, e fiquei cheia de vontade de ler esses livros, mas fico triste por não ter informação ainda sobre os próximos volumes.

    Beijo!
    www.amorpelaspaginas.com

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei