12 março 2020

[Resenha] Apenas Amigos - Elizabeth Grey


Violet Archer tem o emprego dos sonhos em uma das principais agências de publicidade de Londres. O fato de trabalhar com Ethan Fraser todos os dias o torna ainda mais especial. Ele é o melhor amigo que uma garota poderia ter. E ela nem percebeu como ele é gostoso. Não. Com certeza, não.
Quando uma noite incrível se transforma em uma grande confusão, o mundo de Violet começa a oscilar como uma girafa bêbada andando com pernas de pau. Ela se vê presa em uma teia de segredos, mas nenhum deles é seu. E talvez ela esteja começando a perceber o quanto Ethan é gostoso. E fofo, e gentil e... ah, caramba.
Será que Violet se apaixonou pelo melhor amigo? Essa amizade pode sobreviver a outro segredo? E a pergunta que Violet tem mais medo de fazer: será que Ethan também sente algo por ela?



Livro: Apenas Amigos  ||  Autor: Elizabeth Grey 
Editora: Editora Bookmarks ||Ano: 2020  ||Gênero: Romance Contemporâneo   
Classificação:  3 estrelas || Resenhista: Daiana
Violet e Ethan são os melhores e inseparáveis amigos há três anos. Eles são confidentes e se apoiam e tudo, e também trabalham juntos na agência de publicidade mais prestigiada de Londres, onde Ethan é diretor de arte e Violet, redatora. 

Após um episódio embaraçoso com um colega de trabalho, Violet percebe que algo no seu relacionamento com Ethan começou a mudar, e ela não tem ideia do que é ou o porquê. Inicialmente, ela acha que a estranha cambalhota que seu estômago passa a dar diante de Ethan, se deve ao fato de ela estar se sentindo carente, mas aos poucos vai refletindo sobre tudo que já viveram e em como ele sempre a fez se sentir. 

Mas, será que eles devem arriscar a amizade?
Será que é isso mesmo o que ela quer?


Violet é uma mulher introvertida, que esconde seus sentimentos, preferindo sempre fingir que não sente nada. Ela também vem lidando sozinha com coisas que aconteceram no seu passado, mas está sempre tentando resolver o problema do mundo. É para ela que seus amigos correm quando precisam de um apoio emocional, pois Violet sempre tem as coisas certas para dizer; independente de qual seja a situação caótica que seus amigos estejam, ela sempre sabe como fazê-los superá-la. 

Ethan é gentil, inteligente, engraçado, e o melhor amigo que alguém pode querer ter - e possui também um histórico de mulheres a perder de vista na sua vida. 

Embora eu tenha sentido falta de saber o que Ethan sentia, a leitura é muito divertida pelos olhos da Violet, e a Grey criou uma protagonista muito atraente e espirituosa para narrar sua história - que gira em torno não só do romance, mas que também nos traz os conflitos e dramas dos personagens, e alguns temas como depressão, abuso de drogas, assédio e traumas do passado. E, embora esses assuntos não tenham sido abordados como deveriam, ainda assim,  conseguiram deixar suas mensagens.

Mesmo que a história pareça um clichê, Violet e Ethan são muito fofos e divertidos juntos. Se prepare para o humor dessa protagonista e para rir demais com as tiradas dela, mas também espere muita tensão em situações bastante inquietantes.

O livro tem um ritmo que te pega — mesmo depois de uma mudança de clima da história — e ele também não possui aqueles trechos cansativos de ler, porque mesmo que tenha algumas coisas ‘fora da casinha’, a trama realmente te intriga. 

Foi uma delícia ler sobre como é o dia a dia de uma agência de publicidade e conhecer alguns coadjuvantes. Terminei a leitura em menos de 24hrs, e não entreguei muito sobre a história porque iria estragar toda a parte do drama, que envolve muitos segredos e conflitos, que é o principal plano de fundo da narrativa. 

Acredito que pessoas introvertidas - como eu - se identificarão muito com a Violet, com sua falta de habilidades sociais, sua falta de confiança e sua vontade de talvez ser uma pessoa diferente. E aquelas que trazem uma bagagem do passado, aprenderão com a Violet, que devem aceitar o que lhes aconteceu como parte de quem são, em vez de deixar que isso as magoe para sempre. 

A edição da editora Bookmarks ficou um amorzinho e ainda mais bonita que a edição americana, e estou ansiosa pelos próximos livros que vem por aí.

Compartilhe!

4 comentários :

  1. Olá! Essa capa é realmente muito fofa, o livro parece ser bem gostoso de ser lido, apesar desses pontos um pouco mais tensos que ele aborda, também me identifico com a Violet e esse seu jeito mais introspectivo, o personagem Ethan parece ser aquele mocinho super clichê né, quase perfeito, mas mais rodado que catraca de ônibus, enfim, espero poder me divertir com a leitura.

    ResponderExcluir
  2. Daiana!
    Parece um delicioso chick-lit.
    E ver que trata não apenas de romance, mas traz conflitos e dramas dos personagens, temas como depressão, abuso de drogas, assédio e traumas do passado, mesmo que estes não tem sido abordado de maneira mais profunda, acredito que vale a pena ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Fiquei curiosa pelo livro por justamente se passar em uma agência de publicidade, e eu, como quase formada publicitária, adoraria saber como o dia a dia é retratado. Única coisa que me deixou meio enojada foi a sinopse, se fosse para escolher o livro por causa dela, nunca leria.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    É um daqueles clichê que vou amar bastante, onde há uma amizade nascer um amor natural. Fiquei bem curiosa e interessada pela leitura.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei