18 março 2019

[Resenha] Tudo Nela brilha e Queima - Ryane Leão



Estreia em livro de Ryane Leão, criadora da página onde jazz meu coração, com mais de 150 mil seguidores nas redesLivro de estreia de Ryane Leão, mulher negra, poeta e professora, criadora do projeto onde jazz meu coração, com mais de 150 mil seguidores nas redes. “a poesia é minha chance de ser eu mesma diante de um mundo que tanto me silencia. é minha vez de ser crua. minha arma de combate. nossa voz ecoada. nossa dor transformada. nela eu falo sobre amor, desapego, rotina, as cidades que nos atravessam, os socos no estômago que a vida dá, o coração desenfreado, a pulsação que guia as estradas, os recomeços, os dias, as noites, as madrugadas, os fins, os jeitos que a gente dá, as transições, os discos, os tropeços, as partidas, as contrapartidas, os pés firmes que insistem em voar, e tudo isso que é maluco e lindo e nos faz ser quem somos.”


Livro: Tudo Nela brilha e Queima || Autor: Ryane Leão
Editora: Planeta||Ano: 2017 || Gênero:  Poesia
 Classificação: estrelas || Resenhista: Karina
Alguns temas são universais, como a luta das mulheres, mas em cada lugar do planeta podemos ver as peculiaridades de cada movimento mesmo dentro do mesmo tema e apesar de ter amado os livros da Rupi Kaur, foi no livro da brasileiríssima Ryane Leão que encontrei a identificação da luta das mulheres brasileiras.

O livro chegou até mim por indicação da Karin Paredes do Prateleira de Cima, que afirmou que eu amaria a leitura já que gostei do livro da Rupi e não deu outra, eu me encantei; Se você ainda não leu nenhum dos dois livros vale a pena dar uma pesquisada e adicionar na sua lista. A Ryane tem o Instagram @ONDEJAZZMEUCORAÇÃO, vale a pena dar um conferida também. Incentivar autores nacionais nunca foi tao fácil, o encantamento vem natural mesmo que nós duas tenhamos tantas vivências completamente diferentes. 

Na mesma pegada do meu mais novo vício: livros de poesias de versos brancos e os livres com temas contemporâneos, “Tudo Nela Brilha e Queima” foi um leitura que acariciou a minha alma, nele se reúne poemas autorais escrito de uma mulher para todas as outras mulheres, com o intuito de torná-las infinitas.

“até hoje ninguém foi capaz
de medir o seu tamanho
você é caos
e coração
você é oceano
e furacão
te desvendar
é pra quem não teme
mulheres infinitas”

Com temas que abordam desde preconceito até relacionamentos abusivos, a crítica social que sub julga mulheres está muito presente e ainda conta com um destaque para mulheres negras. Em uma configuração muito importante, a principio são temas muito pesados mas enfiar o dedo na feriada é um item de primeira necessidade e nem de longe, Ryane faz isso de maneira pessimista, é com uma beleza e a força do incentivo que todas somos capazes está presente em todas as linhas. 

Eu sou um monte deconstelações brilhando e ardendomas nem todo mundo sabe verou só vê a parte que arde
ou só vê a parte que brilha.

Há algumas ilustrações assinadas pela Laura Athayde que conversam perfeitamente com o tom cosmopolita dos versos, não só nas linhas, mas também nas imagens, o livro é todo trabalhado nos detalhes. Acredite, Ryane cria pequenos textos que conseguem ser sutis e brutais ao mesmo tempo. 

Esse é mais um livro que se eu pudesse sairia distribuindo por aí, deviam haver vários exemplares nas bibliotecas das escolas, acredito que por meio desses versos simples e lindos dá para mudar a realidade de muita garota que nunca se sentiu representada na vida. Aqui, a literatura faz mais do que o papel de entretenimento, faz o papel de dar voz àqueles que são quase sempre ofuscados pela desigualdade de gênero ou social. Empodere-se, empodere suas amigas, filhas, mães, transformemos o mundo num lugar melhor ! 

Não romantize o que te rasga o peito.


Compartilhe!

3 comentários :

  1. Karina!
    Sou fã de poesias e embora não tenha lido nada da Rupi Kaur e ainda da Ryane, já fiquei encantada com todo empoderamento brasileiro que ela traz, aproximando mais para nossa realidade e para nos alertar sobre nosso feminismo e sobre nossa luta constante.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  2. Amei esse livro, eu o compraria só pelo titulo que já é de arrepiar. Acho incrível como a poesia tem o poder de se encaixar na nossa vida e no nosso dia a dia, seja ela qual for vai te tocar de alguma forma. A autora escreve com uma simplicidade que toca nosso coração e os temas abordados são de grande importância principalmente nos dias de hoje. Uma leitura obrigatória!!!

    ResponderExcluir
  3. Não li nenhum livro das duas autoras mencionadas, é que não sou chegada a poesias, mas da vontade de ler, devido a elogios e por se tratarem de um tema forte nas nossas vidas, gostei do que li a cima parece ser poesias simples, de fácil compreensão, mas com grandes significados.

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei