21 março 2018

[Resenha] O Homem Perfeito - Linda Howard


Como seria o homem perfeito? Esse é o assunto que Jaine Bright e suas amigas discutem certa noite. Quais seriam suas principais qualidades? Seria ele alto, atraente e misterioso? Precisaria ser carinhoso e atencioso, ou apenas musculoso? Jaine e suas amigas começam com o básico: precisaria ser fiel e confiável, responsável, ter senso de humor. Conforme a conversa fica mais animada, elas montam uma lista engraçada e picante. Sem querer, a lista é divulgada e, da noite para o dia, se torna uma enorme sensação, chamando a atenção, inclusive, da imprensa local e de canais de TV. Nenhuma das quatro esperava tamanha repercussão. Mas o que começou com uma brincadeira entre amigas se torna algo perigosamente sério quando uma delas é assassinada. Recorrendo a seu vizinho, um detetive imprevisível e muito atraente, Jaine precisa desmascarar o assassino para salvar sua vida. Saber em quem confiar pode ser questão de vida ou morte, pois o sonho de um homem perfeito se tornou um arrepiante pesadelo.


Livro: O Homem Perfeito || Autor: Linda Howard
Editora: Bertrand Brasil||Ano: 2018 || Gênero:  Ficção / Romance / Suspense e Mistério
 Classificação: 5 estrelas || Resenhista: Luci

Como seria o homem perfeito?

Em uma noite descontraída, Jaine, uma mulher de 30 anos, cheia de personalidade e independente, juntamente com mais três amigas, elaboram uma lista que elenca os principais pontos do homem perfeito, dentre eles, fidelidade e um determinado aspecto físico.

Dentre a incerteza se um homem com todas essas características existe ou não, há uma certeza para Jaine: ela acabou de se mudar, e certamente o seu novo vizinho rabugento e com aparência nem um pouco amigável, não se encaixa em nenhum dos itens. Na verdade, ele vem ofuscando a alegria de ter comprado uma casa, com as explosões de mau humor constantes, sempre direcionadas a ela.

Como Jaine nunca foi de permanecer passiva diante de determinadas situações, não demora muito para que ela deixe o medo de lado e coloque seu ranzinza vizinho no lugar dele. Só que, nesse processo, ela acaba descobrindo que ele não é nenhum marginal como ela pensou no princípio.

Sam, o vizinho de Jaine, é um policial que trabalha na força tarefa. Por incrível que pareça, ele esconde todos os seus atributos físicos e uma personalidade marcante, por trás de sua aparência desleixada e uma dose certa de mau humor. E logo, ela descobre que ele possui determinados atributos que, sim, preenchem os requisitos na lista dela.

Os dois acabam formando um casal explosivo, e o que começou com raiva, logo se transforma em algo quente entre os dois, já que, de repente, ambos não conseguem manter as mãos afastados um do outro e logo se veem fazendo planos que incluem um ao outro. Só que esses planos estão muito perto de não serem concretizados, uma vez que uma ameaça se aproxima cada vez mais.

Pois, surpreendentemente, a brincadeira entre as amigas começou a tomar proporções gigantescas, a partir do momento em que a lista passou a ser revelada, causando não somente um rebuliço na empresa em que Jaine e suas amigas trabalham, mas também na imprensa local e internacional.

Enquanto uma boa parte das pessoas achou isso divertido, a lista do "Homem Perfeito" provocou a ira de uma mente doentia e distorcida, que enxergou o mal em uma simples brincadeira. Uma fúria assassina é despertada, tendo como alvo as quatro amigas, que começam a ser ameaçadas e caçadas, uma a uma. E a face da perfeição logo revelará toda a feiura que alguém é capaz.




Há muito tempo eu anseio, de verdade, que novos livros da Linda Howard sejam publicados no Brasil. Para mim, ela é uma das melhores romancistas que já li, suas histórias realmente conquistam e nos prendem de tal forma, que acabamos por nos envolver com os personagens e enredos criados por ela.

O Homem Perfeito se encaixa no que falei acima. Aqui temos um enredo bem construído, com uma narrativa bem atrativa, pois mostra todos os pontos de vistas dos personagens, sejam eles os protagonistas ou os secundários, inclusive os pensamentos do vilão. Ou seja, você conhece todas perspectivas da história, o que atiça a curiosidade do leitor e o faz querer ler mais além, até que, não se dando conta, você termina o livro com aquela sensação de: nossa, já terminou? Poderia ter mais. Sem falar que o toque de mistério e suspense que acompanha o romance dá um up a mais no livro. 

A autora também é expert em criar casais com personalidades fortes, principalmente as personagens femininas. O casal do livro tem uma química maravilhosa, com diálogos espirituosos e inteligentes. Além de protagonizar cenas que arrancam sorrisos do leitor, protagonizam cenas bem picantes. Linda Howard tem aquela habilidade de escrever momentos sensuais com uma leveza arrebatadora e, ao mesmo tempo, intensa.

Todo o conjunto do livro é envolvente, reunindo os elementos certos para contemplar o leitor com uma boa dose de leitura apaixonante: mistério, suspense, romance, sensualidade e personagens cativantes. Tudo isso com o toque mágico de Linda Howard, cuja escrita é, sem dúvida, uma das melhores que o leitor de romances pode apreciar.

Compartilhe!

10 comentários :

  1. Oi!
    Eu nunca li nada da autora mas adorei esse mix de mistério e romance, coisa que eu acho que tá faltando nos romances de hoje em dia. Espero ansiosamente uma oportunidade para ler o livro da autora, tomara que eu goste tanto quanto você.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Luci.
    Ainda não li nada da autora, mas depois dos seus elogios sobre a sua escrita e construção de personagens, fiquei com bastante vontade de ler um livro dela.
    Adoro diálogos espirituosos e inteligentes. São sempre divertidos de se ler e mostra parte da personalidade dos personagens.
    Espero ler esse livro em breve.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Lucilene!
    Confesso que ainda não li nada da autora, mas muito me agradou ver que ela traz diferentes pontos de vista e que os casais protagonistas tem personalidade forte, o que nos faz adentrar na leitura de cabeça e só querer sair, quando tudo estiver terminado.
    Adoro romances no estilo.
    “Não acredite em tudo que ouvires! Há mentiras que sempre serão ditas, e verdades que jamais serão pronunciadas...” (Eliane Azevedo)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lucilene.

    De certa forma, o motivo do tal assassino agir e começar a persegui-las, é completamente banal.

    Mas, podemos ver o que uma repercussão pode causar, pois o que era apenas uma busca por um ideal delas, se tornou algo completamente inimaginável...

    ResponderExcluir
  5. Oi Lucilene, então eu li A Montanha dos Mackenzie da Linda, um livrinho pequenininho da Harlequin e fiquei apaixonada pela história, amei e quis ler outros livros dela, mas os preços dos que já tem por aqui não tem me ajudado haha, mas desde que vi o anúncio desse lançamento fiquei bem interessada e essa tua resenha me animou ainda mais, essa mistura de romance com suspense parece casar muito bem e já coloquei na lista de livros pra ler com certeza ;)

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Eu não conheço obras da autora ainda, mas pelo que li na resenha a escrita parece boa o que me deixou mais interessada em conhecer o enredo, quem sabe surja uma oportunidade em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Ok,eu confesso que...Achei que o"Homem perfeito" fosse um livro de autoajuda ou um romance sem muitas nuances e pouco atrativo. E eu errei feio. Primeiro que só de ler a sinopse eu já fiquei interessada,e admito que não conhecia os livros da Linda Howard,mas pela sua descrição ela parece escrever super bem,então já gostei.
    Segundo,também queria ler essa tal lista de o homem perfeito e descobrir por quê ela despertou o ódio em um indivíduo doentio. E por fim,poder apreciar esse casal bem intenso né? Quem diria que os opostos iriam se atrair,e que o vizinho ranzinza de Jaine seria seu Homen Perfeito...ah,o amor. E pelo que me pareceu,vem cenas quentes dos dois por aí.O que super gostei,afinal,tem um pouco de suspense e romance.

    ResponderExcluir
  8. Confesso que apesar de ter achado o livro Sem pé nem cabeça envolvendo romance com assassinato eu confesso que fiquei muito muito empolgada em ler esse livro Achei bem interessante e com certeza quero ver ele

    ResponderExcluir
  9. Parece ser uma leitura muito gostosa de acompanhar, gosto quando os personagens não se entendem no começo e depois explode uma paixão, deixa a leitura divertida e aquece o coração do leitor. Adorei o fato da autora ter colocado mistério na historia gosto e muito, assim da uma boa dose de curiosidade no leitor.

    ResponderExcluir
  10. Adorei a capa desse livro. Não lembro de ter lido algum livro da autora mas gostei de como ela fez a narrativa desse, é legal saber todos os pontos de vista dos personagens algo que não vemos muito nos livros.
    A história em si também é bem legal e cativante.

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei