17 março 2018

[Resenha] Despertar - Nina Lane



Um casamento baseado no amor, no desejo e na confiança. Um segredo guardado com a melhor das intenções. Um relacionamento — intenso e imperfeito — colocado à prova. Dean West é o grande amor e o porto seguro da vida de Olivia. Um marido dedicado, um parceiro intenso e, acima de tudo, um homem completamente apaixonado por sua mulher. Conhecedor dos segredos mais obscuros da esposa, Dean a possui por completo — hoje, amanhã e sempre. Mas o casamento aparentemente perfeito dos dois é abalado quando Olivia descobre uma faceta até então desconhecida do passado do marido. Será que a força dos sentimentos que eles têm um pelo outro será capaz de prevalecer sobre a dor da decepção?





Livro: Despertar || SérieEspirial de Desejo #1 || Autora: Nina Lane
 Ano2018 ||  Editora: Paralela || GêneroErótico, Drama, Romance
Classificação: 5 estrelas || Resenhista: Luci
Sobre a autora


O passado de Olivia a moldou para ela ser o que é hoje: uma mulher que luta contra as inconstâncias da vida. Afinal, ela já as teve demais durante sua infância e começo da adolescência, sendo arrastada por sua mãe país afora, sem nunca criar raízes. Ironicamente, apesar de ter um diploma universitário em uma área em que ela ama, ela vive uma inconstância profissional, sem ainda definir o que realmente quer.

Ela só tem certeza de quem quer: Dean West, seu marido e a única constância em sua vida. Ele é um renomado professor universitário que, ao contrário dela, tem uma personalidade dominante e segue em passos firmes para a consolidação de sua carreira. Ambos se conheceram quando Liv estava tentando retomar a sua vida, após mais um baque emocional, e ele aceitou o desafio de espantar os fantasmas que atormentavam a sua alma.

Houve um tempo em que eu não sabia que existiam pessoas como o professor Dean West. Não havia ninguém como ele no bosque escuro onde eu vivia, um lugar onde a noite chegava cedo e os ogros espreitavam por trás das árvores secas.
Sentimentos espontâneos e inevitáveis acabam por quebrar as barreiras emocionais, e eles se entregam a um relacionamento intenso, apaixonante. Após dois anos juntos, eles se casam e vivem um amor cada vez mais intenso. Só que no terceiro ano de casamento, os planos que traçaram em seus "felizes para sempre" começam a cair, diante de desejos e segredos nunca antes confessados por ambos.

Parece que somente a paixão e o desejo eram claros para eles, e até mesmo isso ofuscava o que era realmente necessário para os dois, como um casal. Aos poucos, eles percebem que não conhecem tão bem um ao outro, e isso gera barreiras de comunicação que os afastam a cada dia, abrindo brechas para desconfianças e outras coisas nocivas a um casal.

Não podemos continuar assim. Não podemos mais machucar um ao outro. Nosso casamento sempre foi como uma ilha, um porto seguro aonde os dragões e os monstros não eram capazes de chegar. Agora estamos permitindo que se aproximem e cravem os dentes em nós, sem conseguir nos proteger.

Os dois, agora, vão ter que enxergar mais além e tentar reconstruir o relacionamento. O que ambos não estão dando ao outro? O que está faltando, se sobra a paixão e o amor está tão claro entre eles? Além de responder essas questões, Dean e Liv vão ter que ir mais além: aprender a conhecer mais um ao outro.



Bem, vamos às considerações. Eu não sou fã de livros eróticos  - sou formada em romances florzinhas (risos) - mas, esse livro, essa autora, me fez AMAR essa história, e vou explicar por quê: porque eu senti variados tipos de sentimentos em cada linha escrita por Nina Lane. O erotismo incluso na narrativa foi colocado como algo natural, resultado de duas pessoas que se amam apaixonadamente. Quer dizer, as cenas eróticas não ficaram isoladas, tiveram um contexto que, confesso, me fez suspirar, pela paixão contida nos personagens e na forma como foram descritas.

Falando em personagens, tenho mais um novo crush literário: Dean West. Estou A.PAI.XO.NA.DA por ele, em todos os sentidos. A autora construiu um personagem masculino cheio de atitude, seguro de si e do que quer. A forma como ele ama a esposa é incondicional, e mesmo que ele não tenha visto determinadas necessidades dela, porque estava concentrado em si, em sua carreira, ele nunca a colocou para baixo, nunca menosprezou a sua capacidade. Ele realmente enfrentou obstáculos emocionais para ficar com ela  e fazê-la ver que valia a pena os dois juntos. Senti vontade de apertar seu lindo pescoço másculo em minhas mãos em alguns momentos? Sim! Mas isso não diminuiu meu amor por ele.

Sobre Liv, pelo passado que ela teve, sem ter a certeza do amanhã, achei natural algumas atitudes dela. Mas me incomodou bastante essa insegurança e certa dependência que ela sentia em relação ao marido. Mas a Olivia narrada no começo do livro, não é a mesma do final, e prevejo uma mudança muito positiva em sua personalidade, esse ganho de confiança em si mesma que a autora nos acena para os próximos livros.

A narrativa é intercalada entre passado e presente, mostrando como os dois se conheceram e começaram a se relacionar, mostrando a atual relação dos dois, após cinco anos juntos. Aí, caro leitor desse blog, você pode pensar: "nossa, isso deve ter ficado chato". Não mesmo! Nos faz compreender melhor cada nuance da personalidade dos personagens, e é feito de forma tão fluida e dinâmica, que só te envolve mais, a cada página, a cada capítulo.

Eu só posso aguardar com ansiedade os próximos livros, pois na "prateleira da fama" da minha estante, Nina Lane já tem seu nome marcado com uma bela estrela brilhante, pois esse livro realmente me conquistou, seja pelos personagens, pelos sentimentos tão explícitos ou pela forma como a escrita dela tem o poder nos seduzir tão completamente.


Compartilhe!

9 comentários :

  1. Lucilene!
    Desde que li a sinopse no lançamento desse livro, fiquei interessada, porque além de um romance carregado de drama, é hot e amo os livros mais quentes e cheios de pegada.Ainda mais quando o erotismo está incluso no relacionamento, quando se torna consequência natural do sentimento.
    Bom domingo!
    “Quando choramos abraçados e caminhamos lado a lado. Por favor amor me acredite, não há palavras para explicar o que eu sinto...” (Renato Russo)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lucilene.

    Bom, através do Dean e da Olivia, a autora abordou algo bem constante na vida de diversos casais, que mesmo com pouco tempo casados, enfrentam diversos dilemas e auto descobertas, enfrentando dificuldades. Mas que mesmo assim, não desistem de seu casamento!

    Para podermos entender melhor a história do casal, acho que foi de grande importância a autora intercalar entre o passado e o futuro, embora eu deteste isso.

    ResponderExcluir
  3. Oi Luci.
    Não sou muito fã de eróticos, mas depois de ler a sua resenha fiquei bem curiosa para conhecer essa história.
    Adorei saber que as cenas eróticas tinham um contexto anterior que levasse a isso.
    AMO narrativas intercaladas entre passado e presente. Acho que é uma forma bem dinâmica de conhecer como os personagens eram antes e o que os levou a se tornar a pessoa de hoje.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá!!
    Adoro o gênero e qdo comecei á ler a resenha já qria parar e ler o livro, eu amei conhecer, espero uma oportunidade em breve pra ler.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Parece ser um livro bem fofurinha, com momentos que dá vontade de matar os personagens mas que acabamos pegando situações e sentimentos que ajudam eles a se desenvolverem e acabam nos ajudando também. E é bom um livro de romance que não tem como foco principal o erotismo, pois é algo que já está se tornando clichê.

    ResponderExcluir
  6. Oi Luci, tava bem querendo ler uma resenha desse livro e gostei muito da sua, já me despertou interesse pra história. O que me chamou a atenção nesse livro é que essa parece ser uma história depois do "... e viveram felizes para sempre" rsrs, afinal, nos livros geralmente os protagonistas enfrentam muitas coisas pra ficar juntos e casar e depois é com a gente imaginar que viveram bem e felizes e aqui não, mesmo com os flashbacks( não sei ainda se gosto disso), os personagens são um casal e tem que consolidar o que já existe, e assim o livro parece ser muito bom mesmo ;)

    ResponderExcluir
  7. Gosto de livro livros hot, quando tem uma historia envolvida e não fica só no sexo, esse livro parece ser bem assim e gostei pelo casal já estarem casados e mostra como é a vida a dois com seus altos e baixos, o personagem parece ser encantador já quero conhecer rs.

    ResponderExcluir
  8. Logo de Início já gostei da temática que Nina Lane aborda no livro,um casamento perfeito em ruínas,o que foge do senso comum de casais que constroem um romance ao longo da narativa e que mais tarde,concretizam seu amor no altar.E bem,nem de longe achava que se trataria de um romance erótico,então fui pega de surpresa na segunda parte da resenha.
    Também acho que Dean West seria meu crush,sua descrição dele só me empolgou. E bem quanto a Liv, acho bem importante retratar personagens femininase inseguras no início,mas que ao longo da história se transformam em mulheres determinadas e seguras de si. A vida na verdade,é cheia de Livs precisando de alguém que as motive e as incentive. Super entendo ela,me reconheci um pouco nela: acabei vagando de lar em lar,sem ter um lugar pra chamar de "casa".Por fim,gostei desse formato de passado se intercalando com o presente.
    Pois é,acho que amei a história. E já tô ansiosa pra ler o livro!

    ResponderExcluir
  9. O livro até tem uma premissa é interessante mas eu não gosto muito desses livros de drama que o foco é problema de um relacionamento não consegue me chamar muito atenção

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei