15 dezembro 2017

[Resenha] Seduzida Por Um Highlander - Trilogia Irmãos McCabe # 2

Maya Banks, a autora best-seller do The New York Times, cativa os leitores mais uma vez com Seduzida por um Highlander, volume 2 da série Irmãos McCabe, no qual um guerreiro indomável das Terras Altas é pego entre a lealdade e o amor proibido. Bravamente leal ao irmão mais velho, Alaric McCabe lidera o clã na luta por seus direitos e agora está pronto para se casar por dever. Porém, na viagem para pedir a mão de Rionna McDonald, filha do laird vizinho, uma emboscada é armada e Alaric é deixado para morrer. Milagrosamente, sua vida é salva pelo toque suave de um anjo das Terras Altas, uma beldade corajosa que colocará à prova a lealdade dele ao clã, a própria honra e os desejos mais profundos. Exilada de seu clã, Keeley McDonald foi traída por aqueles que amava e confiava. Quando o guerreiro ferido cai do cavalo, ela é seduzida por aquele corpo forte e esguio. O brilho misterioso nos olhos dele acende uma paixão que os seguirá de volta para o castelo de Alaric, onde o amor proibido afogará ambos nos prazeres da carne. Entretanto, à medida que a conspiração e o perigo se aproximam, Alaric precisa tomar uma decisão impossível: trairá seus laços sanguíneos em favor da mulher que ama?

Livro: Seduzida Por Um Highlander || Série: Trilogia Irmãos McCabe # 2|| Autor: Maya Banks 
 Ano: 2017 || Gênero: Romance Histórico,  || Editora: Universo dos Livros
Classificação: 4 estrelas || Resenhista: Lud
Resenha Livro 01

Seduzida Por Um Highlander conta a história de Alaric, o irmão do meio dos McCabe. No primeiro livro, já temos uma ideia da história que se passará com o casal. Com Ewan já casado com Mairin, temos uma promessa em dívida com o Clã McDonald. O acordo firmado com Ewan e o pai de Rionna seria que ele se casasse com ela e assim fortalecesse ambos os clãs contra os ataques de Duncan. Mas com Ewan impossibilitado, surge a ideia de Alaric arcar com a promessa feita. 

Como todos os homens honestos de Clã, ele prontamente aceita, já que seria para o bem do seu povo e de seu irmão mais velho, que já sofreu o suficiente e deveria ter um pouco de felicidade com sua nova mulher. 

A caminho do Clã McDonald, seu grupo é atacado e ele é gravemente ferido. Conseguindo escapar em seu cavalo, com uma grave ferida, depois de perder a consciência ele acaba caindo na porta de Keeley, que é uma curandeira. 

Apesar de Keeley acolher o guerreiro e fazer de tudo para mantê-lo vivo, ela se vê levada à força de volta para as terras McCabe, onde acabará por tratar de Alaric e ficará para auxiliar no parto de Mairin, e, se quiser, poderá fixar residência nesse novo clã, ganhando uma posição nele. 

Mas Keeley tem alguns segredos que não gostaria que ninguém soubesse, e vê essa oportunidade oferecida por Ewan a chance de pertencer a um clã novamente, para se sentir como se tivesse uma família, e o mais importante: ser tratada com afeto e cordialidade. Mas tudo isso se complica quando ela se apaixona por Alaric, e ele por ela. Como os dois vão conseguir ser felizes, se Alaric tem um casamento marcado? Será que o amor de ambos é suficiente até mesmo para quebrar uma acordo entre dois Clãs?




Ok, preciso dizer que prefiro essa série do que a outra dela - Montgomery e Armstrong - eu gostei mais dos personagens desse, eles me cativaram mais do que a outra série. Nesse livro, nem tanto assim, por isso 4 estrelas, porque não simpatizei de cara com a mocinha. Óbvio que isso não é motivo para não se gostar de um livro, tem muitas coisas além disso envolvido, mas perde um pouco a magia. 

Keely é uma mocinha muito romântica e compassível. Claro que algumas vezes, ela tem um surto de bravura e coloca os homens nos seus devidos lugares, mas essa não é a personalidade dela. E nem do nosso mocinho. Dos três irmãos, Alaric é o romântico, o que puxa esse livro para um desenvolvimento mais lento, mais suave. É claro que os personagens sofrem, mas o que tinha no primeiro livro de travessuras, de partes mais engraçadas com as tiradas da mocinha, não se vê aqui. Por isso, foi o que eu menos gostei dos três livros.

Mas no geral, eu amo essa trilogia, ela tem uma história base que continua em cada livro, mesmo mudando de casal, temos o mesmo vilão, como uma continuação. E nesse, temos a sequência do combate ao vilão, e a história tomando um formato maior, conforme se adiciona mais Clãs e mais personagens secundários à trama.

Maya Banks nunca me decepciona em quesitos de história de Highlanders. Em Seduzida por um Highlander temos o melhor da escrita da autora, com uma mistura de humor, romance e cenas mais quentes devidamente encaixadas, além de contarmos com esses guerreiros teimosos e íntegros que tanto amamos.

Para o terceiro e último livro, tenho muitas expectativas em cima dele, pelo casal ser mais explosivo, então será diversão garantida e lágrimas para dar e vender.

Compartilhe!

11 comentários :

  1. Nunca li nenhum dos livros desta autora, porém confesso que por suas estórias criativas, que possuem vilões, clãs, diversão, e cenas sensuais encaixadas de maneiras certa. Uma pequena que você não tenha gostado de cara da mocinha, mas o importante e que de certa forma a trama foi capaz de te prender, fazendo com que você tivesse uma leitura agradável. Fiquei muito interessa em ler esta trilogia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro esse gênero, e da escrita da Maya. Nem sempre todos são meus favoritos, mas não peguei nenhum que eu diga que é ruim!
      Tomara que você leia e goste!

      Excluir
  2. Não li os livros da autora, mas gostaria de ler, ainda mais esses com guerreiros. Deve ser uma leitura que envolve o leitor na torcida pelo Alaric e Keeley que situação difícil a deles, fiquei curiosa com o segredo dela e como vão resolver a situação dos dois. Pena a mocinha não ter te conquistado isso é muito importante, ser conquistado pelos personagens principais.

    ResponderExcluir
  3. Eu amo as duas séries de época da Maya e só fico triste por ela não dar tanta atenção a esse gênero, gostaria de muitas outras histórias já pra ler, mas não haha. Contudo vc tem razão sobre o desenvolvimento ser mais suave e sem as tiradas engraçadas, mas é uma história que vale a pena e já nos deixa roendo as unhas para a próxima <3 Sobre ser o mesmo vilão, eu gosto, porque ele tá vivo kkkk, na outra saga o vilão apronta em mais de um livro e tá morto e eu só desejo que ele ressurja dos mortos pra ser morto de novo kkk.... Ótima resenha ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Euuu amoooo os highlander da Maya, e odeio os contemporâneos dela. Vai entender né.
      Também queria mais do gênero! Vamos torcer para ela dar mais atenção a nós ! kkk

      Excluir
  4. Oi Lud!
    Li poucos livros da Maya, e nenhum era romance de época, mas pelo que li a autora escreve muito bem o gênero.
    Achei o enredo um tanto clichê, mas claro que como amo romance eu adorei, principalmente a parte das cenas quentes, é uma das únicas autoras que me atraem nessas cenas, outros livros normalmente eu pulo, rs. Eles capricharam nas capas da trilogia, nem sei qual é mais bonita!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oieeeee
      menina, eu também pulo as cenas !! Morri com nós duas!
      Eu gosto de ler 1, 2 cenas quentes depois eu acho que fica muito carregado.
      Mas tente ler um desses da Maya já que você gosta da escrita! Depois me conta!

      Excluir
  5. Já li um livro da Maya Banks mas amo romances históricos e de época e pelo que eu vi sobre as raízes deste livro ele deve ser maravilhoso

    ResponderExcluir
  6. Oi, Lud!!
    Amo os livros da Maya Banks!! E comprei esse livro na BF e logo vou fazer essa leitura da Trilogia Irmãos McCabe!! Linda demais esse capa!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie MArta, depois que ler se quiser trocar figurinhas, estamos ai!

      espero que goste tanto quanto eu gosto.

      =)

      Excluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei