02 julho 2017

[Resenha] Nossa Música - Dani Atkins

Nossa Música
Dani Atkins

Ally e Charlotte poderiam ter sido grandes amigas se David nunca tivesse entrado em suas vidas. Mas ele entrou e, depois de ser o primeiro grande amor (e também a primeira grande desilusão) de Ally, casou-se com Charlotte.
Oito anos depois do último encontro, o que Ally menos deseja é rever o ex e sua bela esposa. Porém, o destino tem planos diferentes e, ao longo de uma noite decisiva, as duas mulheres se reencontram na sala de espera de um hospital, temendo pela vida de seus maridos. Diante de incertezas que achavam ter vencido, elas precisarão repensar antigas decisões e superar o passado para salvar aqueles que amam.
Com a delicadeza tão presente em seus livros, Dani Atkins mais uma vez nos traz uma história de emoções à flor da pele, um drama familiar comovente que não deixará nenhum leitor indiferente.

“Eu a queria apagada de sua cabeça, de seu coração e de sua alma, e durante algum tempo pensei que isso tivesse acontecido. Mas será que eu estava apenas me enganando?”
Oiee, tudo bom com vocês? Comigo segue tudo ótimo, graças às belas escolhas literárias que eu tenho feito ultimamente. Estou numa maré de sorte para livros que está me impressionando. Que dure por muito tempo, rs!

A escolha de hoje é da fofa Dani Atkins, publicada pela editora Arqueiro, o romance lindinho ‘Nossa música’. Já é o terceiro livro trazido para o Brasil e preciso dizer, três livros muito bons!
As obras da autora tem vários elementos além do romance, o que para mim é essencial. Preciso que a história tenha um pano de fundo para tornar tudo mais interessante. Acho livros que são focados apenas no romance muito maçantes, então encontrar esses que, além do romance fofo, têm excelentes histórias por trás daquilo é maravilhoso!

“As peças do dominó começavam a tombar e não havia nada que eu pudesse fazer para detê-las”.

‘Nossa música’ causou sentimentos bem ambíguos em mim. Costumo dizer que ou eu amo um final ou o odeio, este aqui eu achei ‘ok’. Sabe aquela sensação de: não acredito que a autora terminou assim! Ela poderia ter feito acontecer aquilo e aquela outra coisa. Mas enfim, a minha opinião é que 85% do livro é simplesmente sensacional! Nós totalmente embarcamos na história contada por Dani, dividida em capítulos que são alternados entre as personagens principais, Ally e Charlotte, ainda alternando entre o presente e o passado (não se preocupem, parece confuso e chato, mas ficou incrivelmente bom e organizado!) O problema todo, pelo menos para mim, foram os últimos 15% do livro. Queria tudo diferente, haha! Vejam bem, nem por isso eu não gostei do livro, ao contrário, eu amei. Fugiu do clichê e eu só queria que tivesse acabado como um clichê! Haha, vai entender!

“Nosso relacionamento se transformara em um trem desgovernado prestes a descarrilar. E embora nós dois soubéssemos que seríamos as grandes vítimas desse acidente, não havia nada que pudéssemos fazer para impedi-lo”.

Como falei ali em cima, os capítulos alternados vão nos fazendo conhecer um pouquinho mais sobre Ally e Charlotte e como foi que uma grande amizade em potencial acabou, graças a um terceiro elemento da história, o David. De início, sabemos que Charlotte e David estão casados, assim como Ally está casada com Joe. Mas quando a história do passado começa a ser contada, vamos saber que o presente está todo ao contrário, que na verdade, David deveria estar com Ally, como ele prometeu que seria há quase nove anos. E é exatamente por isso que nós vamos lendo compulsivamente, para saber como foi que aquilo aconteceu, e mais ainda, como vai terminar!

“Eu gostava de matemática, sempre gostara, mas nem eu seria capaz de montar um cálculo que desse conta da probabilidade de me encontrar dividindo a sala de espera de um hospital com a mulher que era dona de uma parte do coração do meu marido, uma parte que eu nunca conseguira conquistar”.

As histórias deles se entrelaçam novamente quando, por uma sacanagem do destino, Joe e David são internados na UTI do mesmo hospital, na mesma noite. É então, que as duas são obrigadas a questionar tudo o que aconteceu e como fariam para prosseguir com suas vidas depois disso.
Sério, por vezes, eu achei que a autora tinha uma certa preferência pela Ally e queria carregar a pobre Charlie nos braços, rs. Mas depois foi se equilibrando, de certa forma. Ainda assim, achei que a autora poderia ter sido mais simpática à história dela.

Gente, o livro é lindo! Não posso dizer que amei o final, porque se eu fosse a autora teria com toda certeza, feito algumas coisas diferentes, mas ainda assim ficou bem redondinho, bom e emocionante, terminei a leitura secando uma lagriminha, rs. Leiam e venham me dizer o que acharam.

"Pareceu haver um motivo para que estivéssemos todos ali, naquela noite, naquele lugar. Pessoas precisavam ser curadas, e não por médicos e enfermeiros, mas por nós. E a cura estava acontecendo naquele instante."

Compartilhe!

20 comentários :

  1. Oi, Nathy. Moror de medo dos livros da Dani porque eles sempre abordam triângulos amorosos e eu geralmente não gosto nem um pouco do tema, mas a mulher sabe muito bem como fazer uma história. Talvez eu leia.
    Beijo!
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha verdade, sempre tem triangulos e eu adooooro! Neste aqui é na verdade um quadrado amoroso, se isso existe rs. Acredito q vc vai gostar bastante, basta dar uma chance! ;)

      Excluir
  2. Que bom que você tem tido boas leituras, como gosto muito de ler livros de romance, após ler sua resenha não tive como não adicionar este livro em minha lista de leituras, fiquei bem ansiosa para conferir esta história.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Toda boa fã de romance tem que ler 'Nossa Música', mt bom livro ;)

      Excluir
  3. Olá Nathy!
    Eu ainda não li nenhum livro da autora, fico só babando nas resenhas que acompanho dos livros, acho mto bacana a escrita dela e como desenvolve as histórias, espero em breve conseguir ler.
    Bjs e parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina vc tá perdendo! Dani Atkins é ótima. Adoro todos os três livros q li dela, até dificil escolher qual gosto mais. Dê uma chance e depois venha me dizer oq achou!

      Excluir
  4. Aiii Nathy, Tô louca para ler esse livro...
    Li outro livro da autora e ela realmente tem esse jeito de deixar a gente curioso o livro inteiro, e sempre mescla outros elementos ao romance.
    Não vejo a hora de ler esse!
    E também estou em uma maré de sorte literária, espero que dure bastante kkkkk
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acabei de finalizar outro e a maré doa bons continiou!hahahaha coisa boa.
      Sou fã dessa escritora, a cada livro publicado é um novo amor <3

      Excluir
  5. Que amorrrr... no encontro da arqueiro, eles falaram desse livro e eu amei !!!
    A capa é soft touch.. tão amor !! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arqueiro tem mandado muito bem nas escolhas pra publicação. Que assim permaneça! Rs

      Excluir
  6. Olá!
    A sinopse já havia me despertado uma certa curiosidade, mas a resenha já me deixou louca para ler. Apesar desse tipo de estória nunca terem sido minhas favoritas sempre há exceções, e essa com certeza é. Assim como você eu também não consigo me livrar dessa relação de amor e ódio com o clichê. Quando um final acaba meio clichê eu reclamo que poderia ser diferente, porém, se o final acaba diferente eu queria que fosse clichê; não tem jeito, eu sou uma metamorfose ambulante. Enfim, gostaria muito de conhecer essa estória e logo mais estarei comprando esse livro. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós claramente somos muito mulherzinhas! Hahahahahaha. Este aqui acaba de um jeito não clichê em algumas coisas, por nao ter o final perfeito, aquele de que todos terminam felizes. E eu queria q tivesse sid assim :( maaaaasss é muito bom!

      Excluir
  7. Ainda não li nada da autora, parece ser uma historia que mexe com as nossas emoções e nos deixa curiosos querendo saber o que aconteceu com Ally e David que não ficaram juntos e o que vai acontecer, só não gosto de triângulos amorosos é muito chato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou suspeita pra falar porque adoooro triangulos. O que eu nao gosto é daquela coisa q as autoras do nada inventam um motivo q a mocinha nao pode ficar com o mocinho (e vice-versa) e depois quando o motivo é revelado a gente fica: serio q o problema era esse? Kkkkk fico doidinha

      Excluir
  8. Hello! !
    Nunca li nenhum livro da Dani. Confesso que não gosto muito triangulos amorosos (depois da minha decepção em A Maldição do Tigre 😭)..
    Apesar disso, parece ser um romance muito lindo ! Fiquei intrigada do porque que tudo aconteceu..

    Vou ter que dar uma conferida no livro ..

    Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fala da série do tigre porq eu também não superei isso na minha vida ainda hahahaha. Mas este aqui é diferente. Nao tem indecisão, q é o irritante pra mim. É apenas uma historia do presente e passado se encontrando. Leia, vc vai gostar!

      Excluir
  9. Oi Nath, já vi elogios a essa autora mas ainda não li nenhum de seus livros e tô querendo conhecer a escrita dela. Eu gostei da resenha, até já tinha visto a capa, que tá linda, e a sinopse por ai, mas se entendi certo a história trata de uma "traição", elas eram amigas né? e isso me incomoda um pouco, mas fiquei curiosa pra saber como vai ser esse encontro delas e como os maridos de ambas foram parar no hospital ao mesmo tempo e ainda tem o final que se te arrancou lágrimas deve ser emocionante :)
    Vou anotar a dica e resolver se leio futuramente ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade não. Não é sobre traição. Posso até concordar q algumas coisas são omitidas, mas não chega a ser traição de fato. Dê uma chance pra Dani, autora excelente!

      Excluir
  10. Ola,
    Triangulos amorosos são sempre complicados pra mim, eu não Sou muito de entender esses sentimentos, Sou been mais pratica kkk, mas esse livro me deixou a sensação de ser bem leve.

    ResponderExcluir
  11. Oi, é uma história diferente não tem como negar. Fiquei curiosa a gora pra saber o final já que não é um clichê.
    Fico em dúvida entre ler ou não, eles já estão casados, tudo fica mais complicado.

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei