[Resenha] A luta pela Liberdade - Kirsty Moseley

A Luta Pela Liberdade
A Luta Pela Liberdade #1
Kirsty Moseley


Jamie Cole é um assassino. O reformatório juvenil foi seu lar durante quatro longos anos. Agora, Jamie tem a chance de recomeçar. Porém, seu antigo chefe no mundo do crime não quer abrir mão dele. É preciso pagar um preço alto para sair de uma gangue barra pesada.
Ellie Pierce é a líder de torcida perfeita que, durante muito tempo, namorou o capitão do time de futebol mais popular da escola. Mas esse relacionamento chegou ao fim e tudo o que ela mais quer é ter sua própria identidade.
Quando Jamie conhece Ellie em uma boate, a atração é instantânea. O encontro termina com uma noite quente e inesquecível. Ele não é de se envolver com as mulheres. Ela não quer um compromisso sério. E a ligação entre os dois é intensa demais para ficar apenas no sexo sem compromisso.
Jamie quer aquela garota ao seu lado, mas fugir do passado criminoso e manter Ellie longe de sua história pode ser impossível. Será que o destino bandido fará ele sucumbir e perder o que de mais valioso já teve em sua vida? Ou será que a força desse amor será forte o bastante para libertá-lo?

Hoje é dia de trazer uma das grandes apostas da ‘V&R’, o primeiro livro de uma duologia chamada ‘A luta pela liberdade’. Primeiro livro da autora Kirsty Moseley publicado no Brasil, apesar de que eu já li e sou apaixonada por outros dois livros dela (‘The boy who sneaks in my bedroom window’ e também ‘Nothing left to lose’). Essa é uma autora que tem uma boa pegada para escrever new adults, com histórias interessantes e diferentes. Algo que não aconteceu muito em ‘A Luta’, que é um livro mais cheio de clichê do que ela normalmente escreve. Mas nem por isso deixou de ser bom e instigante. 

Começamos o livro conhecendo Jamie em seu dia de saída do reformatório, onde cumpria pena por assassinato. Um grande mistério é feito em torno desse crime que ele cometeu e ao longo do livro tive minhas dúvidas do que realmente tinha acontecido, porque ele não me parecia muito com uma pessoa capaz de matar alguém e, foi beeeem interessante o que a autora criou para ‘resolver’ esse mistério que, confesso, me surpreendeu. 
“Quando me livrei de tudo, arranquei todas as camadas sujas, machucadas e estragadas, só restou esperança. Esperança de uma vida melhor, de um futuro melhor. Esperança de ter outra oportunidade, nada mais”.
Pensando que ao sair da prisão poderia encontrar uma nova vida para si mesmo, longe de toda criminalidade que vivia antes, ele se vê novamente arrastado para esse mundo, obrigado a pagar uma dívida antiga. 

No meio disso tudo, ele conhece a doce, mas nem tão inocente Ellie. Vivendo a vida mais perfeita o possível, ou algo próximo a isso, está nossa pequena Ellie, estudante do último ano do ensino médio, garota mais popular da escola, classe média-alta, pais presentes, irmã fofa e ela recentemente acaba de se livrar da única coisa que deixava seus dias ruins, seu ex-namorado mala, Miles. Ellie é uma personagem bastante surpreendente. Ela não esconde o que quer e definitivamente vai atrás de seus objetivos. Não foge de ter que colocar a mão na sujeira e, se vocês me entendem, ela até mesmo gosta de se sujar um pouquinho, rs. Quando ela conhece o bad boy Jamie, é atração na certa, não é mesmo? 
“Nada é bom ou mau, o pensamento é que torna as coisas assim”. 
Algumas coisas me perturbaram na leitura, como eles sendo tão novos fazendo tanta coisa de adulto, por vezes eu pensava: Jesus, eu com 17 anos era muito sem noção mesmo, olha essa moça! Hahaha. Mas ok, outro país, outra cultura, eu consigo aceitar. E fora que já não se fazem mais jovens como antigamente, rs. Nossa querida autora Kirsty, desenvolveu o livro em capítulos alternados entre o ponto de vista dos dois, narrados em primeira pessoa (amém!) e isso deu uma velocidade incrível na leitura, além de que a gente definitivamente consegue se apegar mais ao personagem. 

Apesar de Ellie ser uma personagem bastante interessante, não consegui me apegar tanto aos seus problemas e dramas, me pareceu meio ‘pobre menina rica’ quando comparado aos problemas e a barra pesada que Jamie já enfrentou na vida e ainda enfrentava. 
“Tentei, com todas as forças, não lembrar daquele dia. Foi o pior dia da minha vida, o dia em que perdi a única coisa importante que tinha. Foi naquele dia em que me tornei inútil”. 
Li bem rapidinho, apesar de não ser um livro curto. Os dramas da vida de Jamie me deixaram curiosa, assim como suas aventuras pelo mundo do crime e como ele finalmente conseguiria se livrar de tudo aquilo para viver, enfim, um romance real com sua Ellie. Maaaaas, nem tudo são flores. Como eu disse lá em cima, trata-se de uma duologia e então é claro que a história acaba NO ÁPICE dos acontecimentos legais, me deixando doida para o próximo livro! 

Vamos acompanhar como fica essa história?

11 comentários:

  1. Tenho alguns da autora mas ainda não li.
    Apesar de ser clichê a história estou curiosa pela escrita da autora e gosto desse cenário onde o cara luta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa autora tb era minha queridinha já antes de ler este livro ;)
      Leia e depois venha me contar oq achou!

      Excluir
  2. Eu não conhecia a autora e nenhuma de suas obras, mas achei legal a coragem da editora ao apostar em uma duologia, pois publicar um livro não é muito simples. A história me parece clichê, mas tem momentos que eu amo um clichê com essa pegada. Esse seria um livro que eu leria com bastante facilidade, mesmo não engolindo algumas coisas que você citou na resenha (sobre o livro). ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha verdade. Tem horas que tudo q queremos é um bom e velho clichê não é?
      Digamos q não é uma historia sem defeitos, mas vale a pena ler!

      Excluir
  3. Despertou meu interesse esse livro fiquei bem curiosa com esse mistério em volta do assassinato que Jamie cumpriu pena por ele. Assim como na vida do personagem na vida real quem entra para o mundo do crime é muito difícil sair, mas o bom é que ele quer sair já é um começo e terá que lutar por isso, gostei de ter o ponto de vista dos dois assim fica melhor para analisar as situações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tb gostei desse misterio em torno do assassinato. Confesso q eu ja tinha julgado sem conhecer totalmente rs.
      Tb amo livros de dois POVs

      Excluir
  4. Fiquei muito interessada nessa leitura *-* Pena que hoje em dia a maioria dos New Adults é cheia de clichê, mas fazer o que se eu amo tanto isso? Não lembro de ter lido algo da autora, e adorei saber que o livro faz parte de uma duologia. Infelizmente aqui no Brasil, são poucas as duologias! Espero ter a chance de ler!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entao se tiver chance venha me contar oq achou! Eu acredito q vc vai adorar!

      Excluir
  5. Adorei Jamie ele apenas que mudar sua vida depois de tudo que passou e encontrou na luta isso. Acho inspirador esse livro. Quero muito ler, porque pouco que li, e também em outras resenhas super fiquei encantada. Já sobre a capa tem tudo haver com livro

    ResponderExcluir
  6. Oi Nathy,
    Um new adult, que além de trazer todo o drama típico deste gênero, noa apresenta um pequeno mistério em relação ao crime cometido pelo Jamie já chama minha atenção. Tenho gostado muito de ler livros new adults, mas alguns tem se tornado um pouco repetitivos. Gosto de ser surpreendida em um livro e isto independe do gênero. Esta diferença de classe deles me chama atenção, pois teremos dois opostos (em personalidades e estilos de vidas) se conhecendo e aprendendo um com o outro. Sobre as idades deles, fiquei um pouco receosa, pois me incomoda um pouco quando o autor trás personagens tão jovem em temas muito maduros e fazendo coisas um pouco precoces. Mas fiquei curiosa me conhecer mais do Jamie e quando tiver a oportunidade realizarei esta leitura.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Nathy!!
    A história parece ser bem legal!! A premissa pelo menos promete, nunca li nada da autora mas fiquei bem interessada em descobrir mais sobre o Jamie e Ellie!! Será mesmo que o Jamie é um assassino!!
    Beijoss

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...