[Resenha] Star Wars: A Missão do Contrabandista - Greg Rucka

A Missão do Contrabandista
Uma Aventura de Han Solo e Chewbacca
Greg Rucka


Nesta história, que se passa entre Uma nova esperança (episódio IV) e O Império contra-ataca (episódio V), Han e Chewie precisam pilotar a Millennium Falcon numa missão ultrassecreta da Aliança Rebelde. Mas é claro que não será nada simples: na sua cola estão cruéis caçadores de recompensas e uma implacável oficial do Império. Nesta série, você encontrará aventuras inéditas de seus personagens favoritos, além de algumas caras novas. Mas leia com atenção! Há pistas escondidas nas páginas dos livros, que vão lhe dar dicas preciosas sobre o episódio VII, O despertar da Força!
A missão do contrabandista é o segundo volume da trilogia lançada pela Seguinte, que nos mostra histórias ainda não contadas sobre os nossos amados protagonistas de Star Wars. Neste livro conhecemos mais sobre o nosso cafajeste favorito da galáxia, Han Solo e seu amigão inseparável, Chewbacca. 

O livro começa com uma cena posterior ao Retorno de Jedi, em que Han Solo (que já está velho) começa a contar para um grupo de bandidos sobre uma missão que ele e Chewie executaram para a Aliança Rebelde logo depois da destruição da Estrela da Morte. Nessa época eles ainda não eram membros da força rebelde, eram contrabandistas e ainda estavam sendo procurados pelo Jabba. 

Para entender melhor o contexto, vamos relembrar. No final do episódio IV, Uma Nova Esperança, a Aliança Rebelde, sob o comando de Leia e com a ajuda de Luke e cia, conseguiu destruir a Estrela da Morte e impedir que o Império destruísse o planeta Yavin. Foi uma excelente vitória, porém bem pontual. Havia muito a ser feito ainda, as forças rebeldes estavam com sérias baixas de pessoal e de recursos, e muito ainda precisava ser planejado. O Império estava caçando implacavelmente os suspeitos de serem rebeldes, então muito cuidado deveria ser tomado pelo pessoal da Leia. 

Han Solo tinha conseguido o dinheiro para pagar Jabba (que já tinha enviado caçadores de recompensa atrás dele) e estava indo quitar a dívida quando Leia pediu ajuda. 

Um dos grandes aliados dos rebeldes, Ematt, estava correndo perigo e era de vital importância que ele fosse resgatado, porque ele sabia todos os planos da força rebelde, assim como locais e estratégias futuras, e se caísse nas mãos do império, seria o fim da revolução.

Solo não era rebelde, para ele só interessava mesmo o dinheiro, mas, ainda bem que seu grande parceiro Chewbacca era solidário à causa. Leia precisava que fossem eles, pois não conhecia nenhuma nave tão veloz como a Milleniun Falcon, e o império já estava na cola de Ematt.

Então eles correram para o planeta Cyrkon, cuja atmosfera era extremamente venenosa e as cidades estavam dentro de cápsulas.

A narrativa em terceira pessoa também nos apresenta Alecia Beck, uma capitã do império, que está no comando da nave Vehement e que está caçando o Ematt com toda convicção.

Vemos pelos olhos de Beck como os ataques imperiais podem ser implacáveis e meticulosos, além de totalmente sem misericórdia. Quem precisasse ser morto, era morto. E, muitas vezes, quem não precisava também era, apenas por serem inconvenientes. 

Ela era uma mulher loira, altiva e firme na sua missão de varrer a galáxia da escória rebelde. Logo que começou o seu serviço ao império, confrontou seu capitão, que estava extraviando informações confidenciais em troca de dinheiro, e, nesse confronto, perdeu um olho, passando a usar um olho eletrônico no lugar. Firme, decidida e cruel, Beck é o perfeito exemplo de um oficial imperial, que mostra muito do motivo da luta revolucionária.

Ematt não pode ser capturado. Toda a tripulação da sua nave estava morta para protegê-lo. Ele conseguiu chegar a Cyrkon, mas precisava ser resgatado o quanto antes, pois sabia que o império estava muito perto. Ele só não sabia que eles também já estavam em Cyrkon.

Para colocar mais pressão em cima de Solo, um grupo de caçadores de recompensa também estava indo para Cyrkon atrás dele, pois ele não pagou ainda a dívida com Jabba. E esse grupo não é qualquer um não... Eles têm experiência e são muito bons no que fazem, quem já viu um droide caçador de recompensa sabe o que eu estou falando.

Será que Solo e Chewie conseguem chegar a tempo de escaparem todos vivos? Como eles vão fugir do império e dos caçadores de recompensa? 
"— Então como eles sabiam onde estávamos? — Solo perguntou.
— Posso pensar em algumas hipóteses — disse Ematt, acomodando-se no banco. — Traição não é a única possibilidade.
— Bem, é a possibilidade a qual estou acostumado.
— Então tenho pena de você. A confiança é tão preciosa quanto rara, mas você só ganha quando dá.
Ematt soava como um velho.
— Confiança não é dada, é conquistada — disse Solo. — Assim como a amizade.
— Você deve ser muito solitário — disse Ematt.
Solo não respondeu."

Posso começar dizendo que me diverti MUITO lendo esse livro. Essa é a proposta dessa trilogia lançada pela Seguinte. Uma leitura leve e descontraída que nos mostra mais sobre os personagens que amamos em Star Wars. Eu digo que eles cumpriram o objetivo com muito sucesso. Mesmo quem ainda não leu nada de Star Wars, e só viu os filmes, não vai deixar de se divertir lendo esse livro. Não é preciso ter lido os outros, é uma história bem pontual sobre Han e Chewie, leiam!

O livro é classificado como Young Adult e, na minha opinião, está muito bem enquadrado. A linguagem é super fluida, a história é divertida e entrete muito. É dividido em três partes e no início de cada parte há uma ilustração feita por Phil Noto. Dizer que ficou lindo é pouco! A diagramação também está caprichada. 
Han Solo é aquele personagem que todo mundo gosta. Um cafajeste, malandro, mas que tem um coração (mesmo que só o Chewie enxergue, rs). Todo mundo sabia que ele ia aceitar a missão, mesmo reclamando a beça. E ele ia perder uma chance de mostrar que é o melhor? Que a Millenium Falcon era a nave mais veloz da galáxia? De jeito nenhum. Seu lado presunçoso e egocêntrico jamais recusaria essa glória rs. Adoreiiii saber mais sobre Han, acho que ele é um dos meus favoritos!

Chewbacca é aquele monstro enorme e forte, mas super fofooo. Vemos mais sobre a ligação dele com Solo e com a nave, e podemos entender o que faz esssa dupla tão implacável. Junta a malandragem e esperteza de Solo com a empatia e força de Chewie e nós temos a dupla dinâmica preferida da galáxia. Como não amar?

A vilã, capitã Beck, não é nada menos que impressionante à sua própria maneira. Ela é forte, cruel e destemida. Tudo que eu esperava de uma capitã imperial. Achei muito bom o papel dessa vilã feminina, que mostra mais uma vez que Star Wars acredita na representatividade que tanto precisava ter lugar numa saga importante e influente como essa. Muitos formadores de opinião já destacaram que precisávamos de personagens femininas fortes, então é muito bom ver isso concretizado.

Eu adorei o livro, é uma leitura rápida e muito divertida. Li em poucas horas e ainda fiquei com aquele gostinho de quero mais.  Leiam que vale muito a pena! 

O próximo que lerei é o da Leia, Alvo em Movimento. Até!
"Uma coisa que vocês precisam saber é que existem tantas versões da verdade quanto existem estrelas nessa galáxia. Tenho um velho amigo que gosta de dizer que a verdade depende muito do seu ponto de vista."






14 comentários:

  1. Olá Luiza!
    Se eu te fla q nunca li livros nem vi filmes da saga vc acredita?
    Já tentei várias vezes, mas não consigo me interessar...
    Meu marido ama, fissurado até posso dizer...Mas cmg não vai de forma alguma...
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline,
      De repente é o gênero do livro que não te interessou... Dentro do universo de SW tem bastante aventura, tem suspense, mas também tem uns young adult e até romance 😊 Tomara que no futuro algum te interesse, porque são maravilhooosoooss

      Excluir
  2. Que ilustração linda. Eu adoro livros com ilustração, dão um toque especial.
    Eu ainda não li Star Wars mas gostei da premissa da editora em fazer uma série para fazer com que conheçamos melhor os personagens. Quando ler espero me divertir também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rossana,
      Realmente, as ilustrações são lindíssimas. Com certeza você vai se divertir quando ler 😍

      Excluir
  3. Eu não conheço muito os personagens de Star Wars porque não li nenhum livro ou ver filmes. Mas imagino que seja mesmo uma história cheia de ação com essa guerra entre mundos e galáxias. Achei muito bom a premissa porque realmente deve dar pra conhecer os personagens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Roberta,
      Juraa??? Menina, vai ver os filmes! Rs e depois leia os livross!!!!

      Excluir
  4. Eu só conheço os filmes de Star Wars e tenho um pouco de medo de entrar no universo estendido e ficar perdida, mas gostei bastante desse livro, as ilustrações são lindas e a história parece bem fechada e divertida, acho que vou começar com esse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline! Se você gostou dos filmes, com certeza também vai se apaicknar pelos livros.
      Vai fundo no universo expandido que é só amor ❤️

      Excluir
  5. AI MEU DEUS ESSAS FOTINHAS <3 Eu fico meio perdida pois entrei no fandom ano passado, mas já entrei amando tudo hahaha. Sei que existem algumas histórias paralelas a principal e sempre fui curiosa pra ler, pq quando gosto de algo gosto de saber TUUDO. Amei a resenha <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica,
      Também sou assim, de querer saber tudoo rs
      Certeza que você vai amar os livros!

      Excluir
  6. E quem nem leu e nem assistiu os filmes?! Será que vai conseguir entender essa história? É o meu caso, conheço alguns nomes, e sei do que se trata a história, só o básico de tanto ouvir falar, porque olha... Não tem como fugir de tantos fãs kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kris,
      Eu indicaria ver os filmes primeiro, porque são mtos nomes, lugares e etc. Mas é um mundo que vale a pena explorar xD

      Excluir
  7. Assisti os filmes, mas ainda não li nenhum livro e nem sei se vou dar conta de ler todos, não param de serem lançados rs. Esse volume parece diferente já que são historias não contadas e conta mais sobre meus personagens favoritos acho que da maioria Han e o Chewie rs. Quanto a essa vilã deve fazer sucesso acho muito bom quando colocam mulheres fortes e que vão muito além do que se esperam delas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria,
      Eu super indico começar a ler por esses livros da Seguinte. Eles são leves e rápidos, e falam aobre os protagonistas que amamos 😍

      Excluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...