15 julho 2016

[Resenha] A Fúria e a Aurora - Renée Ahdieh

A Fúria e a Aurora #1
Renée Ahdieh
Globo Alt


Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Khalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado.  Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. Apaixonada, a heroína da história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga.  Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Khalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto.

Inspirada no clássico, As Mil e Uma Noites, Renée Ahdieh nos conta a história do reino de Khorasan, do menino-rei Khalid, e de Sherazade, a única esposa do califa que sobreviveria.
Khalid, é o Rei dos Reis de Khorasan, e assim como o rei da história original, a cada aurora ele mata uma esposa.
Uma das garotas assassinadas pelo rei era Shiva, melhor amiga de Sherazade, que movida pelo desejo de vingança, se candidata para ser a próxima esposa do rei de Khorasan.
"- É um castigo merecido para um monstro. O de querer tanto algo... de ser capaz de tê-lo em seus braços... e saber sem sombra de dúvida que nunca vai merecê-lo."
 Após o casamento, em sua noite de núpcias, Sherazade seduz o califa com a proposta de lhe contar uma historia, despertando seu interesse. Quando as primeiras luzes da aurora chegam e Sherazade não a termina, a curiosidade do rei permite que ela viva mais um dia. 


Shazi é uma personagem decidida, atrevida e com uma língua bastante afiada. A medida que os dias vão passando, Shazi vai descobrindo que o palácio esconde muitos mistérios e que Khalid, não é de todo, o monstro que ela acreditava que ele fosse. Khalid é frio e reservado, e eu o amei a primeira vista.

Eu amo você, milhares de vezes. E nunca pedirei desculpas por isso.

Como eu posso me apaixonar por um monstro que a cada amanhecer mata um inocente?  Simples, sempre tenho essa queda por vilões! E assim como na maioria dos vilões, sempre soube que por traz da armadura impiedosa e perversa de Khalid, existia uma alma vulnerável, quebrada e amargurada. Um homem com segredos. E, por baixo da superfície, um verdadeiro rei. Nunca tive  dúvidas de que a Renée me faria entender as suas motivações.





O livro é narrado em terceira pessoa, e existem outros plots além dos principais. 
Tariq e Rahim são amigos de infância de Sherazade. Tariq completamente apaixonado por Shazi, e na companhia de seu falcão Zoraya, e Rahim, parte para uma missão de resgatar Shazi e acabar com o reinado do Rei de Khorasan. O capítulos dos dois são bem divertidos, e isso fica por conta do sarcasmo de Tariq e do bom humor de Rahim. 
Jalal, capitão da guarda e primo de Khalid, é outro personagem que também merece ser destacado pela sua lealdade e sua ousadia. Também adorei as trocas de farpas entre Sherazade e a sua camareira Dephina.
"-Algumas coisas existem em nossa vida apenas por um breve instante. E nós as devemos deixar seguir para iluminar outro céu"
Apesar de ter conhecido a história da infância do califa, Shazi continua com seu plano e esperando uma oportunidade de cumprir sua promessa. Entretanto, vai ficando cada vez mais difícil focar nesse plano, quando ela começa a ser traída pelo próprio coração.

Afinal, os monstros nascem ou são feitos?
Será mesmo impossível o amor entre os dois?

A narrativa lírica e com toques de fantasia da Renée, é de uma beleza cativante; como só os bons escritores conseguem fazer. 
Achei fascinante o mistério que envolve a trama e a forma como a cultura árabe foi apresentada. E as histórias contadas pela Shazi, foram um bônus maravilhoso!
A série será uma duologia, e eu mal posso esperar pela continuação!`Principalmente depois de um final arrasador como aquele! Já podemos pular para fevereiro de 2017?
Quanto a edição, só tenho elogios para a Globo Alt. A escolha da capa ficou muito linda em toda a sua simbologia e simplicidade.

A Fúria e a Aurora, é simplesmente mais um livro que nos mostra porque alguns escritores se tornam nossos favoritos por mais de um motivo.

"Afinal, toda história tem sua própria história"


Compartilhe!

15 comentários :

  1. Amoooo esse livro. Vou terminá-lo assim que o segundo sair! HAHAHAHA
    <3

    ResponderExcluir
  2. Ameiiiiiiiiiiiiii
    Preciso dele, mas quero o dois logo!!! já te disse que odeio esperar as continuações. huhu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem qué é duologia mdeus! Como eu sofro com vocês kkkkkkkkk

      Excluir
  3. Oiii Daiana, como vai?
    Menina que resenha e obra maravilhosa, realmente despertou muito meu interesse, eu só quero esperar que saia o outro livro, odeio ficar esperando isso me estressa mesmo HAUHAUAHAUAHUA Parabéns pela resenha e as fotos ficaram lindas.
    Beijinhoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Morgana!
      Super te entendo!HAHAHA Mas não teremos que esperar muito, o segundo lança em Fevereiro <3
      Obrigada pelos elogios *-*
      Assim que for lançado o segundo, corra para ler!
      Beijos ^^

      Excluir
  4. Nossa, acho essa capa perfeita!
    A história parece ser muito boa também, adoro livros que nos mostram culturas diferentes, mas estou pensando em esperar o próximo sair. hahahah Esperar até o ano que vem, será que consigo??
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é maravilhosa mesmo!A Alt foi super caprichosa.
      Bem, eu não consigo esperar HAHAHAHA
      Sou muito impaciente :D
      Beijos!

      Excluir
  5. Oie
    essa resenha está uma graça assim como a capa do livro, vi muitas resenhas elogiando e parece ser uma ótima leitura que estou curiosa desde que lançou

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Catharina!
      Obrigada *-*
      Mata logo essa curiosidade e corre para ler menina!
      Beijos!

      Excluir
  6. acho que este não é pra mim.
    se fosse adaptado pra filme eu amaria <3 kkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  7. OOi
    Que capa lindaaaa!
    Não sei se a história me agradaria, mas arriscaria pelos elogios que vejo. Sim, sou dessas. kkkkk
    Ótima resenha!

    Beijoos
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Obrigada, Catrine!
    Se arrisque, vale muito a pena!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  9. Olá, que resenha incrível.
    Eu não conhecia esse livro, mas ultimamente estou ouvindo muito falar dele por aqui. A história me chamou atenção e aguçou a minha curiosidade, estou com uma vontade absurda de lê-lo haha

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei