11 maio 2015

[Resenha] Ruby In The Dust

Ruby In The Dust, O Amor Numa Xícara de Chá.
Julie Farrel



 Nicky tem um segredo. Ela fugiu de Hamburgo aos quinze anos, e encontrou refúgio na pacata Maidenhead, onde seu café, Ruby in the Dust, tornou-se um sucesso. Mas agora, conforme Maidenhead se moderniza e o Corporista Café engole a cidade, Nicky está perdendo sua renda e tem uma ameaça de despejo. Com todas estas preocupações martelando em seu coração, ela certamente não está à procura de amor.

Quando Alex entra em sua vida com promessas para ajudá-la a transformar seu negócio em algo lucrativo, Nicky se mantém cética. Mas há mais em Alex do que o idiota que ele parece ser. Quando o senhorio desagradável de Nicky desafia Alex a salvar o Café em três meses, Alex não consegue resistir, e eles fazem uma aposta que pode acabar custando caro a Alex.
Pode Nicky colocar o orgulho de lado e trabalhar com Alex para salvar Ruby in the Dust, antes que ele se torne mais um café empresarial? E ela pode superar o seu grave segredo, e se permitir apaixonar por Alex, mesmo que isso signifique enfrentar seus medos mais profundos?
Aconchegue-se com uma xícara de chá, e desfrute do calor do Ruby in the Dust!


Ruby In The Dust, O Amor Numa Xícara de Chá: o título tão simples esconde, por trás dele, um romance leve, emocionante e instigador. Impossível não se envolver com suas páginas e seus personagens, tão perdidos em si e ao mesmo tempo tão fortes, que vão adquirindo o poder de se superar a cada capítulo.

Nele conhecemos Alex, de vinte e sete anos, o típico pobre menino rico, largou a faculdade de medicina e está desiludido com o rumo que sua vida tomou e sem nenhum ideal. Perdeu-se em si mesmo, na sua falta de objetivos, entregando-se a bebida que o estimula a prosseguir dia a dia. Carrega a imagem de um derrotado, conceito que incorporou deixando-o com a auto estima quase inexistente.

Sua vida passa a ganhar algum sentido quando, após um acidente, ele entra em um Café, chamado Ruby in the Dust, cuja peculiar proprietária chama sua atenção e rapidamente acende uma centelha dentro de si, ante um desafio que lhe é lançado.

Nicky é a proprietária do Café, querida por seus frequentadores por causa dos seus sábios conselhos. Com apenas vinte e nove anos, parece carregar dentro de si toda a sabedoria de uma vida, de como ela deve ser vivida. Mas, aos poucos, percebemos que ela não segue totalmente seus sábios conselhos.

Perseguida por um segredo, que a faz esconder-se por inúmeras camadas de maquiagem e roupas chamativas para disfarçar sua insegurança, é uma pessoa sensível e delicada, mas se encontra sob o risco de perder seu meio de vida, o Café. E é aí que nosso adorável Alex entra na sua vida, para abalar suas convicções, aumentar seus medos e fazê-la se apaixonar.

Os dois agora têm um desafio: ganhar uma aposta proposta pelo arrogante senhorio de Nicky, que evitará que ela seja despejada e, ao mesmo tempo, fazer com que o Café dê lucro.

A interação entre os dois acontece de forma lenta, devido as desconfianças de Nicky para com Alex, visto apenas como um bêbado rico sem compromissos, unido ao seu desejo de se manter afastada daquele homem que, mesmo tendo inicialmente uma ideia negativa sobre ele, desde o primeiro encontro, deixou suas emoções abaladas e colocou em risco a revelação de seu segredo. Mas, à medida que ela o conhece mais, e ele se revela como realmente é, ela não se considera merecedora de tê-lo ao seu lado, por causa daquilo que esconde sobre si mesma.

Aliás, esse segredo é o que dirige uma boa parte da história do livro, e o leitor nem sequer imagina o que pode ser, apesar de no meio da história, a autora deixar entrever o que é, e é quando conhecemos uma pequena parte do sofrimento da personagem, o que faz a gente nutrir uma simpatia maior por ela e torcer para que suas inseguranças sejam vencidas.

Maravilhosa a forma como o Alex, através da convivência com Nicky, vai se redescobrindo, encontrando a si mesmo, deixando de lado seus medos e uma atitude autodestrutiva. Ele não só se encontra, mas faz Nicky também deixar de lado suas amarras que a prendem a um conceito infeliz, a uma vida que ela mesma sentenciou a ser solitária, apesar de conviver com tantas pessoas.

Apenas o pensamento em você ilumina meu dia. Eu tinha uma existência miserável, mas, em seguida, Nicky Raios de Sol Lawrence chegou e aqueceu meu coração.

            A autora foi muito sensível ao escrever sobre uma personagem como Nicky, sem centrar a história somente nisso, o que nos presenteia com um romance leve, engraçado e que mostra ao leitor o que realmente vale a pena na vida: encontrar a si mesmo, valorizar o outro independente de seus defeitos, entender nossos desejos e ser feliz.


Compartilhe!

7 comentários :

  1. Adorei a resenha, gosto desse tipo de história, fiquei muito curiosa a respeito do segredo de Nicky e o que acontece com o café, com certeza eu leria.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Confesso que não costumo me interessar por esse estilo de livro, mas ele acabou me chamando atenção! Pela resenha, pude ver que o livro contém um segredo, o que deixa o leitor louco para descobrir o que é. Além disso, percebi que os personagens são incríveis! <3

    ResponderExcluir
  3. Adoro esses romances em que o casal consegue evoluir e superar seus medos juntos, como se um fosse aquilo q o outro tava precisando :3 Fiquei curiosa para saber que segredo é esse e acompanhar o romance lindo desses dois! adorei a capa *o*

    ResponderExcluir
  4. Luci, adorei sua resenha, pois amo romances em que o casal se supera para ficar juntos.
    Fiquei mega interessada em ler o livro.
    Só podia ser da editora Charme. Eles estão arrasando na diagramação e capas.
    Quero saber como foi essa tal aposta.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  5. Pessoal, realmente gostei como a autora desenvolveu a história e o seu desfecho, e como ela colocou o segredo de Ruby. Me apaixonei pelo casal e espero que leiam e venham aqui para compartilharmos mais opiniões. Bjos!

    ResponderExcluir
  6. Oie,
    Em toda a resenha o que mais prestei atenção foi no tal segredo kkk Quero ler para saber como acaba a historia,e para saber qual e o bendito segredo ç.ç
    Já está na (extensa) lista de leituras õ/
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Já conhecia o livro, mas ainda não li. Gosto de romances leves para ler depois de um livro pesado ou uma série longa, pra relaxar e acalmar os nervos, hehe.

    Ah!! o segredo... Esse tal é o que nos deixa curiosos e ansiosos por ler. Só não goste da capa, achei feia. :p

    ^^

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei