29 abril 2015

[Resenha]O Desafio - Rachel Van Dyken


O Desafio



Quando terminei de ler “A Aposta”, fiquei feliz em saber que ainda teria um livro dois que me faria continuar na presença desses personagens, então fiquei muito feliz, quando, finalmente, O Desafio foi lançado, para conhecermos a história de Jake e Char.

Quem leu o livro anterior, sabe que Jake é o playboy da família Titus, sempre envolvido com mulheres, bebidas e festas, pois tem um verdadeiro império aos seus pés. Ou melhor, tinha, até sua avó Nadine decidir que vai atormentar sua vida, até que ele mude seu comportamento e seja um homem mais responsável. Jake, então, se vê em meio a um verdadeiro “inferno astral”: despedido pela avó das empresas da família e seu tão famoso desejo pelas mulheres parece ter sumido, ou melhor, concentra-se em uma única, e logo uma que parece não suportá-lo pelo seu comportamento no passado: Char.

Char é uma jornalista que há anos descobriu estar apaixonada pelo seu colega de escola, o popular Jake Titus, mas aprendeu a não esperar muito por ele, devido ao seu comportamento libertino desde jovem. Isso, até ter uma noite de paixão com ele e retomar as esperanças... que caíram totalmente por terra ao acordar sozinha e com um mero bilhete de despedida e depois nenhum contato. Obviamente, o nível de rancor foi ao máximo.            

Porém, os dois vão ter que conviver juntos, pois têm uma missão: ambos serão padrinhos de casamento de Kacey e Travis e, de acordo com a fofa e engraçada vovó Nadine, terão que executar algumas tarefas próprias de padrinhos para auxiliarem os noivos na festa de casamento.

Claro que isso é mais uma artimanha de Nadine, que está disposta a vencer um desafio: fazer com que seu neto libertino entre nos eixos, apaixonando-se pela arisca Char. Sua recompensa, fazer uma performance como cantora no casamento de Travis e Kacey, algo que ambos estão dispostos a evitar, claro.

Em meio a situações hilariantes promovidas por vovó Nadine, envolvendo ensaios para a dança do acasalamento, kits de fertilidade constrangedores, cachorro defensor de castidade, entre outras coisas,  Jake e Char vão aprendendo a se conhecerem melhor e a conviverem com relativa paz, só quebrada pela resistência do notório playboy em se entregar completamente e reconhecer os sentimentos despertados pela garota que ele conhece a vida inteira, mas que, a cada dia, parece descobrir algo novo que o atrai de uma forma muito profunda.

Seu corpo se movia involuntariamente na direção dela. Será que eram os olhos? O cabelo? Uma vozinha que ele não ouvia havia muito tempo lhe explicou que não. Não era físico, era algo completamente diferente. Algo em que ele não queria sequer pensar ou considerar por muito tempo. Porque aí teria de admitir que tinha um coração, o que queria dizer uma coisa: que em algum momento seu coração iria se partir, mas, dessa vez, não haveria o que amparar a queda, apenas o nada.

Char, após ser deixada de lado após uma noite que para ela foi inesquecível, tenta manter uma parede formada de rancor para não permitir mais a entrada de Jake em seu coração, mas passa a enxergá-lo sob a máscara que ele carrega perante todos, fazendo-a pensar se é possível confiar e se entregar novamente.

Durante toda a vida ela quisera ser seu porto seguro. Sempre desejara o melhor dos dois mundos — amigos e amantes — e agora sentia que talvez pudesse tê-lo.

Minha espera por esse livro valeu a pena: foi a leitura mais divertida que tive até o momento, os personagens continuaram cativantes, principalmente a hilária vovó Nadine. Amei conhecer mais o Jake e torci imensamente por Char, que formou a parceira perfeita para ele. Um romance com uma pitada ideal de situações hilariantes, que prende o leitor do início ao fim.

Só fiquem avisados: ler esse livro em público é correr o risco de ser taxada como louca, devido as risadas incontroláveis que vocês deixarão escapar.

Boa leitura!



Compartilhe!

7 comentários :

  1. Sjksydurey essa história parece ser mt engraçada e fofa. ele vai entrar nos eixos shushau
    " Algo em que ele não queria sequer pensar ou considerar por muito tempo. Porque aí teria de admitir que tinha um coração, "
    Fiquei apaixonada por essa passagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Liih, amo essa série, super indico. Imagina minha alegria quando vi que tinha um terceiro??? :D

      Excluir
  2. Oiee.
    Eu ainda não li A Aposta, e sinceramente não sei se lerei, o livro não me atraiu, então não tenho muito o que falar sobre esse.
    Pra quem gosta de um livro leve, esse me parece ser uma boa dica, mas pra mim por enquanto não serve.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Iêda, se quiser algo leve e divertido com doses de romance, dê uma chance a essa série, você não vai se arrepender mesmo!
      Bjos

      Excluir
  3. Estou louca para ler esse livro. Li o primeiro em um dia, de tanto que me agradou a história. Adooooooorooooooo a vovó Nadine, me diverti horrores com ela no primeiro livro. Quero descobrir agora o que ela vai aprontar com Jake.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amáilia, pode apostar que ela apronta todas mesmo, viu? E situações hilariantes!!!

      Excluir
  4. Vó Nadine sempre arrasa! kkkkkk
    Eu só li o primeiro livro, e estou doida pra ler esse assim que puder!

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei