[Resenha] Escândalo - Candece Camp

Escândalo
Candace Camp



Escandalo - Um desconhecido apareceu à porta de Priscilla. Ao que tudo indicava, alguém tinha tentado matá-lo, mas não era capaz de se recordar de nada. Assim, ela rebaptizou-o com o nome John Wolfe.
Priscilla sempre fora um modelo de correcção, a filha responsável e a irmã carinhosa que antepunha a família em relação a tudo. Desse modo, ninguém desconfiava do surpreendente segredo que ocultava... nem do desejo que sentia em todo o seu corpo, por contactar com aquele estranho.
Um homem sem passado, uma mulher com um segredo... o resultado daquele amor só podia ser escandaloso.




Continuando nossa maratona de romances históricos, no mês de março decidimos focar nos livros de banca, que nos rendem ótimas leituras.(Desculpe o atraso na postagem!) Sim, sei que essa singela resenha está saindo em abril, que cheguei em último lugar na linha de chegada da maratona, mas... vamos ao que interessa!

O livro teve uma fórmula perfeita: juntou-se um conde com má fama (injustificada, claro), uma jovem pouco convencional para a época com forte instinto de lealdade e que adora salvar animais indefesos, vilões que tentam atrapalhar a vida do pobre casal, chantagem e assassinato. E o que tivemos? Um ótimo romance histórico, sim, senhoras!

Ambientado em Londres, no ano de 1971, temos a história da jovem Charity, uma jovem com uma personalidade exuberante, que para livrar a irmã de um casamento sem amor, ousadamente se oferece ao temido conde de Dure, visto na sociedade como um homem frio e cruel, capaz até de matar. Porém, as fofocas sobre o passado de Simon não a intimidam, e disposta a um casamento convencional – sim, na sua jovem mente o amor só atrapalha os relacionamentos –, ela está disposta a ser sua esposa.

Todos o diziam; chamavam-no Diabo Dure. Agora, vendo-o, ela podia compreender a razão dos boatos. Era alto, frio e duro, uma figura imponente e intimidante, desde o alto de sua cabeleira negra e leonina, passando pelos músculos desenvolvidos de seus braços, peito e coxas, que nem mesmo o corte excelente de suas roupas conseguia conter (...)

Simon, um jovem conde, só tem em mente arranjar uma esposa para ter um herdeiro ao título. Marcado por um casamento que o frustrou e deixou amarguras, não quer mais envolvimentos onde haja sentimentos que possam trazer grandes expectativas em um relacionamento. O que ele não contava, é claro, era ficar fascinado pela personalidade vibrante de Charity e sua beleza que o atraíam de uma maneira que nunca sentiu. Acaba sucumbindo à sua proposta irresistível, mas isso dá início a uma trama cujo objetivo é arruinar o futuro casamento dos dois.

As ameaças vêm através de bilhetes que a alertam sobre a suposta crueldade de Simon, querendo deixá-la temerosa de casar-se com ele. Ainda, um notável mau caráter que busca a vingança através da desonra do Conde e uma amante nem um pouco satisfeita em ter sido abandonada.

Decidindo dedicar sua lealdade e confiança a Simon, Charity vê-se cada vez mais envolvida com ele, enquanto o cativa cada vez mais, tendo o poder de tirá-lo do controle férreo que tem sobre seus sentimentos, a ponto de ele querer se afastar e recuperar o controle sobre si mesmo.

Ele se deu conta do quanto ela havia iluminado sua vida, do quanto cada dia fora transformado ao encontrá-la. Ficar longe só o fizera ansiar mais por ela, e não o oposto, como esperara.

Em meio às intrigas e mistérios, o relacionamento dos dois vai ficando mais apaixonado, o que constitui uma leitura deliciosa para o leitor, principalmente com as peripécias de Charity, que não pensa ao agir ou falar. Quem é fã de livrinhos de banca, vai amar. Para quem não é, deve ler e apreciar sem moderação!




10 comentários:

  1. Oi Luci, eu não sou muito fã de romances mas esse livro até que me chamou atenção... Achei a premissa muito boa!
    Abraços :)
    www.chamandoumleitor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um romance leve e divertido, daqueles que não decepcionam. Perfeito para ler naqueles dias que vc quer se livrar do stress. Se quiser dar uma chance, já sabe, rsrsrs

      Excluir
  2. Pena que a Amazon só tenha esse livro em e-book, pois faz tempo que quero lê-lo. já vi várias pessoas falando bem dele, aliás falando bem da autora, que é uma grande escritora de romances de época, e eu como adoro o gênero, tenho muito interesse em ler Escândalo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Amália, a autora é muito boa. Leia que você vai gostar, mesmo sendo em um formato que você não curte. Vale a pena!

      Excluir
  3. Amei as capas novas que estão lançandooooooo

    quero na estanteeee

    ResponderExcluir
  4. Oieeee!
    Ainn esses romances de banca são tudo!! Sou super fã *-*
    E esses históricos com casamento por conveniência me encantam, são os meus preferidos.
    Sua resenha passa que o livro vale a pena, já me apaixonei por Simon, esses mocinhos sérios me fazem suspirar, e saber que Charity não se deixa amedrontar pelas cartas só me fez querer ler o livro agora.
    Sei que suspirarei com esse casal.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Iêda, Simon é um fofo! E não pense que fica só nas cartas não, o mistério, tem até uma investigação de assassinato! Achei uma trama bem construída para um livro de banca (olha o preconceitooo, rsrsrs)

      Excluir
  5. OIIII
    Eu amo romances de banca e históricos mais ainda.
    E ja to louca para ler esse.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Larissa, super indico esse livro! Leia e depois compartilhe com a gente se gostou!

      Excluir
  6. Eu amo romances de banca e como toda adoradora de clichês curto muito esse negócio de casamento por conveniência e homens bem arrogantes kkkk

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...