Lançamento de Tubarão


Tubarão
por Peter Benchley

Título | Tubarão
Autor | Peter Benchley
Especificações | 280 páginas, Capa Dura e Brochura
Lançamento | Março de 2015
Preço sugerido | R$ 59,90 (Capa Dura)
R$ 39,90 (Brochura)


Devore ou seja devorado

“Tubarão foi o filme que mudou o cinema para sempre. Foi o filme que lançou o conceito de arrasa-quarteirão de verão e transformou um ex-diretor de televisão, Steven Spielberg, em um dos mais famosos cineastas do mundo. O filme de maior bilheteria da história, na época de seu lançamento, Tubarão foi o primeiro filme do tipo ‘high-concept’, que é um filme cuja história pode ser facilmente descrita em poucas palavras ou em uma simples imagem. Sempre imitado, Tubarão tornou-se o padrão para todo arrasa-quarteirão que veio depois.
E permanece um dos maiores filmes de todos os tempos.”


Chegou a hora de conhecer sua origem

Você não está vendo, mas ele está lá no fundo, observando suas pernas se mexerem nas águas turvas. A mais perfeita máquina assassina da natureza, o predador que mantém seu posto no topo da cadeia alimentar desde a época dos dinossauros. Um torpedo de carne, ossos e dentes. Não há para onde fugir. Se você sempre devorou livros, chegou a hora da revanche.
Tubarão é o clássico romance de Peter Benchley que deu origem ao primeiro blockbuster de Steven Spielberg. Mas, mesmo antes do sucesso na telona, o frenesi alimentar de Jaws se transformou num fenômeno de vendas. O best-seller internacional foi o principal responsável em elevar a fera de barbatanas dorsais ao status de perfeita encarnação do mal. Se já existiu um bicho-papão na natureza, ele está dentro d’água. 
A história se passa em Amity, um balneário ficcional situado em Long Island, Nova York. Quando o corpo de uma turista é encontrado na praia o chefe de polícia Martin Brody ordena o fechamento das praias da região. O prefeito Larry Vaughan, porém, mais preocupado com o dinheiro dos veranistas, consegue abafar a notícia e libera o banho de mar na cidade. O banquete está servido.
O impacto dessa obra pop foi tão violento, que gerações passaram a pensar duas vezes antes de cair no mar. O resultado, além das intermináveis semanas do tubarão na TV a cabo, foi a perseguição desenfreada a esses peixes de dentes afiados. Benchley se tornou um ativista contra a matança indiscriminada dos tubarões.
Ao completar 40 anos, Tubarão volta às praias brasileiras com aquele toque feroz que só a DarkSide® Books consegue dar. Em duas versões: Limited Edition (capa dura) e Classic Edition.


Sobre o Autor

Peter Benchley (1940-2006) pertence a uma das famílias literárias mais celebradas dos EUA.
Seu avô foi o humorista Robert Benchley e seu pai, o romancista Nathaniel Benchley. Jornalista de sucesso, estreou na ficção com Tubarão (1974) e, com Carl Gottlieb, escreveu o roteiro da adaptação para os cinemas, sucesso instantâneo. Seu interesse pelos oceanos – presente em todos os seus romances – data da infância, quando frequentava as praias da Costa Leste durante o verão. Escreveu dezenas de romances, muitos deles best-sellers, incluindo The Deep, Island, The Beast e Shark Trouble. Ao anunciar sua morte, em 2006, o obituário do New York Times informava que Tubarão já havia superado a marca de 20 milhões de exemplares vendidos.



“Um estudo do terror muito bem escrito, com tensão sob medida que nos deixa arrepiado.”
The Washington Post

“Poderoso... A história de Benchley vai prendê-lo de primeira.”
The New York Times Book Review

“Terror implacável... É melhor você estar preparado. Não é para os que têm coração fraco.”
The Philadelphia Inquirer

“Prende o leitor desde o início [...] uma história magnífica narrada com estilo, classe e um sentimento esplêndido pelo suspense.”
Chicago Sun-Times


4 comentários:

  1. eu ainda nao vi o filme tampouco li o livro mas ambos parecem ser bem interessantes

    ResponderExcluir
  2. DarkSide sempre querendo me falir e se saindo muito bem nisso!
    Tô apaixonada pela capa desse livro, perdidamente apaixonada *-*

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. realmente a capa está lindaaaaaaaa em capa dura.. é de Matar qualquer um!

    ResponderExcluir
  4. Dificilmente um livro da Darkside me interessa, pois não gosto muito do gênero de livros que essa editora publica. Tubarão nunca foi um livro que me despertou interesse, nem os filmes eu quis assistir.

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...