27 fevereiro 2015

[Resenha]Duplo Segredo - Lynne Graham



Continuando nossa maratona: 

FEVEREIRO – LYNNE GRAHAM

Quem curte o estilo de mocinhas virgens, sofredoras, apaixonadas por homens poderosos e seguros de si, com certeza vai curtir as histórias de Lynne Graham, que adora escrever sobre um sensual homem grego, italiano, espanhol...
A proposta era ler 3, mas vou resenhar apenas um deles. 




Editora: Harlequin Brasil

Ano: 2013
Páginas: 183





Devo começar dizendo que eu to irada com esse mocinho, e só de pensar eu quero socá-lo na cara. Dito isso, vamos a história.

A história começa com Cristophe Donakis olhando a foto de uma mulher no jornal, e relembrando a versão dele do relacionamento dos dois, e porque acabou. Obviamente percebemos que acabou, mas ele ainda tem um tombo pela nossa mocinha.

Erin Turner, a linda moça da foto, é a gerente de uma rede de hotéis. Depois de fugir de um relacionamento que a deixou em milhões de pedaços, a ultima coisa que ela quer é reencontrar Cristophe, muito menos acompanhar as negociações da compra dos hotéis. Mas como uma boa funcionária, que deve muito ao dono por lhe dar uma oportunidade em um momento tão difícil da vida, ela engole o orgulho e vai se encontrar com o arrogante empresário.  

Nesse encontro, ele pensando em vingança, propõe que ela passe um final de semana na cama dele, em troca de não colocá-la na cadeia pelo roubo de dinheiro do hotel anterior que ela trabalhava, que lógico era dele, e fraude. Indignada pela humilhação, ela recusa de início. 

Pensando que após a compra não poderá trabalhar mais no Hotel do Cristopher, e não podendo ir para a cadeia pelas falsas acusações dele, pois tem dois lindinhos segredos em casa para sustentar, ela cede a chantagem dele. 

Nem preciso contar o resto para vocês, depois disso ele descobre os filhos, e os dois vão trabalhar em esclarecer os fatos que os separaram no passado. 

Eu disse no começo que tenho ódio dele, e vou dizer que ele é a coisinha mais arrogante e cheio de si que já fui capaz de ler. Apesar de quebrar a cara, e estar errado, ele ainda manipula tudo para nunca ser culpa dele. Queria dar um soco no meu kobo, porque era muita revolta na minha pessoa. huhuhu

Como todo livro de banca, ele é bem curtinho, e tudo se resolve facilmente sem muitas enrolações. Apesar da minha revolta eu amei ler esse livro. Porque isso é romance de banca, essa emoção a flor da pele... muitas mocinhas sofridas, e caras arrogantes ! Quem não ama tudo isso ????

Então é isso, até o mês que vem com   : MARÇO – OLIVIA GATES





Compartilhe!

7 comentários :

  1. Nossa. A história parece ser cheia de reviravoltas. Rsrsrs O personagem tem cara de ser pedante e convencido mesmo. Fiquei doida pra saber como vai terminar esse rolo. Adorei esse romance da Harlequin. Vou ver se consigo ler depois.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tem né! quero matar ele... mas leia sim, é rapidinho!!!! Eu não contei o mistério pq perde a graça! huhuh

      Excluir
  2. Amoooo a Lynne, mesmo com esses mocinhos arrogantes dela. Rsrsrs! Amei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vou ter q ler outro dela, para ver como é ! kkkkkkkkkk

      Excluir
  3. Oi, Lud.

    Tenho uma coisa com livro de banca. Tem anos que não leio um e me sinto mal por isso. Acho que temos que dar valor pra literatura independente de onde ela venha. Juro que esse ano leio.
    Eu amo romances, adorei saber dos dois lindos segredos de nossa protagonista e fiquei curiosa para conhecer o Cristofe e ver se eu odiaria ele tanto quanto você.

    Beijos.
    Visite: Paradise Books BR // Participe: Sorteio

    ResponderExcluir
  4. Oie,Lud,
    ainda não conhecia o livro,mas não me interessei tantoo,mesmo tendo suas coisas boas,não me chamou muito a atenção....Mas quem sabe? Eu talvez ache ele,e mude de ideia,pelo menos já tenho uma noção do que se trata ><
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Lud *.*

    Eu aqui, eu amo tudooo isso õ/
    Adoro um romance de banca, sei que eles são cliclês, mas como não gostar, me diz? Confesso que também me irritei um pouco com o mocinho, mas ainda assim imagino que se ler o livro irei torcer pelo casal o tempo todo .. Adorei a resenha.

    Beijos.
    Passeando com os livros

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei