23 fevereiro 2015

[Resenha] A Viajante Do Tempo - Diana Gabaldon


A Viajante do Tempo
Livro 1 - Série Outlander
Diana Gabaldon
Editora: Saída de Emergência
Ano: 2014
Páginas: 800

 Em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial, a enfermeira Claire Randall volta para os braços do marido, com quem desfruta uma segunda lua de mel em Inverness, nas Ilhas Britânicas. Durante a viagem, ela é atraída para um antigo círculo de pedras, no qual testemunha rituais misteriosos. Dias depois, quando resolve retornar ao local, algo inexplicável acontece: de repente se vê no ano de 1743, numa Escócia violenta e dominada por clãs guerreiros.
Tão logo percebe que foi arrastada para o passado por forças que não compreende, Claire precisa enfrentar intrigas e perigos que podem ameaçar a sua vida e partir o seu coração. Ao conhecer Jamie, um jovem guerreiro escocês, sente-se cada vez mais dividida entre a fidelidade ao marido e o desejo. Será ela capaz de resistir a uma paixão arrebatadora e regressar ao presente?


          Era uma daquelas idas normais na livraria do shopping, daquelas que você anda sem rumo olhando as prateleira arrumadas, sentindo o cheiro dos livros e procurando algo que te chame a atenção. Então uma vendedora me parou e comentou sobre esse livro, dizendo que estavam fazendo uma serie de TV baseada nele. Acabei levando, cheguei em casa sem muitas expectativas então comecei a ler.
          O começo é relativamente simples, Claire e seu marido Frank estão tentando voltar ao normal após terem sidos separados por causa da guerra. Eles vão em uma segunda lua de mel para a Escócia, onde Frank, que é professor de história, faz inúmeras pesquisas sobre seu antepassado Black Jack Randall. Como a Escócia é uma terra de inúmeras lendas sobre monstros e magia, eles não hesitam em visitar um circulo de pedras misterioso para assistir um ritual druida. Mas quando Claire retorna para o misterioso circulo acaba viajando no tempo para 1743.

" "Acordei", se essa for a palavra, quando tropecei numa pedra perto da base do monte. Praticamente resvalei pelos poucos metros restantes e acabei num espesso tufo de capim ao pé da colina. Sentia-me enjoada e tonta.Arrastei-me até um aglomerado de carvalhos novos e apoiei-me contra um deles para me equilibrar. Havia uma gritaria confusa perto dali, que me fez lembrar dos sons que eu ouvira, e sentira, no círculo de pedras. Não havia, entretanto, o tom estridente de violência inumana. Aquele era o som normal de conflito humano e eu segui em sua direção."


          O que ela encontra? Uma Escócia pré-revolucionária totalmente selvagem, dominada por clãs, um lugar nada recomendável para uma mulher perdida. Ela acaba como 'hospede' do poderoso clã MacKenzie, e se torna uma especie de curandeira. E também é nessa Escócia selvagem que ela conhece o jovem Jamie, um jovem escocês lindo e engraçado que acaba se tornando muito mais que um amigo. E Claire já não tem tanta certeza assim de que quer voltar para seu próprio tempo.

" - Cortar a garganta é mais fácil, mas faz muita sujeira.
Inclinei-me para pegar a adaga.
- Seria bem feito para você se eu o fizesse - observei. - Filho da mãe convencido.
O sorriso visível por baixo da curva do seu braço se ampliou ainda mais.
- Sassenach?
Parei, a adaga ainda nas mãos.
- O quê?
- Eu morreria feliz." 

          A história é complexa, a sinopse e minha pequena descrição nem arranham a superfície. Você espera que um livro tão extenso seja cansativo, mas confesso que não vi o tempo passar, a história é tão envolvente que o livro acaba muito rápido. Esse é um daqueles raros livros que você não consegue parar de ler enquanto não chegar na última página e quando você o faz se arrepende por ter lido tão rápido, fica triste por ter acabado.
          O relacionamento de Claire e Jamie é surpreendente, a maneira como tudo acontece de forma tão lenta e vai evoluindo. Essa foi uma das coisas que tornou esse livro tão diferente para mim, na maioria dos romances o casal passa por inúmeras dificuldades e então ficam juntos apenas no fim, entretanto em Outlander temos um casal que passa por incontáveis desafios e obstáculos juntos. É um amor que cresce e se torna mais encantador a cada capitulo. 
          Como eu mencionei no inicio da resenha esta sendo produzida uma serie baseada no livro. E devo dizer que capricharam, a série está tão boa quanto o livro. Vale muito a pena assistir, se quiser dar uma conferida aqui está um trailer da 1ª temporada.


          



OBS. A classificação só vai até 5 mas eu daria muito mais se pudesse rsrsrs



Compartilhe!

13 comentários :

  1. Oi, Gabriela :D
    Amoooo esse livro! Nem vi o tempo passar enquanto lia. Fora que o Jamie nos distrai de qualquer forma kk'. A Diana misturou, romance, aventura, ficção e até mesmo algo de drama na história e conseguiu criar algo diferente de tudo que eu já tinha lido antes.
    Comecei vendo a série, que aliás está sendo uma das adaptações mais bem feitas que eu já vi, quando eles interromperam justo naquela parte! Que ódio! Tive que começar a ler o livro. Achei que ao ler o livro ia perder o interesse na série, que ia começar a ver os erros e ia me frustar, mas tirando um ou outro detalhe a série está sendo bem fiel e estou adorando tanto um quanto o outro.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho que concordar com você... Espero que abril chefe logo e traga os resto dos episódios da primeira temporada, essa espera está me matando... ;)

      Excluir
  2. Essa série é realmente demais. Todas resenhas que leio sobre ela dizem que é muito boa. E o que posso te dizer é que estou ficando apaixonada pela trama e personagens. Cada página lida é uma agradável surpresa. Não cheguei a parte final ainda. Mas pelo que notei vou amar. Depois quero partir pro segundo livro da série. Rsrsrs
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro incrível, quando você chegar ao final vai querer ler os outros ainda mais, os personagens são todos fascinantes, impossivel parar de ler hhshs

      Excluir
  3. Oi Gabi :D

    Já estou com o livro na minha prateleira, será uma das minhas próximas leituras. Li algumas resenhas bem negativas e tinha receio de ser uma história cansativa por conta da quantidade de páginas, mas uma amiga minha me falou super bem da história (ou do Jamie, rs) e fiquei curiosa. Enfi, espero me apaixonar também..

    Beijos.
    http://passeandocomoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia o quanto antes, você não vai se arrepender e sua amiga está certa sobre a história e sobre o Jamie ( impossivel
      Não se apaixonar por ele)... Sugiro que você assista a série de TV que é extremamente fiel ao livro , para você ter um gostinho de como o livro é... Hshsh

      Excluir
  4. Oi, Gabriela.

    Esse livro é excelente e a amiga que falou pra Vitória desse livro foi eu. :P kkkkk'
    Mas realmente em vários livros esperamos o casal ficar junto no final e em A viajante do tempo acompanhamos eles em sua trajetória. Quando terminei a leitura pensei que nem você, porque eu li tão rápido. A serie é realmente muito fiel, estou doida para que ela volte logo do hiatos. >.< Já li o segundo e me apaixonei mais pela história, quero logo o terceiro.

    Beijos.
    Visite: Paradise Books BR // Participe: Sorteio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso foi o que mais gostei em Outlander, a forma como o relacionamento da Claire e do Jamie vai evoluindo e a cada página o amor deles parece crescer... e se você já leu o segundo livro viu como só melhora Hshhs

      Excluir
  5. Hey Gaby,
    Eu assisto a série e amo demais,estou doida para ler,mas não arranjei coragem :p
    Acho que vou tirar um tempinho,e vou começar a ler <3
    Beijos
    Cantinho da Bruna | @cantinhodabruna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você gostou da serie garanto que vai amar o livro, não vai se arrepender hshs
      ;)

      Excluir
  6. Soooooou louca por séries, e sou looouca pra ler essa, a única coisa que me impede são o número de páginas, não tenho paciência com muitas!
    :\ bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assista série e depois tente ler o livro, eu prometo que ele não se torna cansativo. Quando eu peguei ele pela primeira vez e vi o numero de paginas também me desanimei achei que seria muita enrolação mas estava enganada. Dê uma chance para ele, você não se arrependerá! :)

      Excluir
  7. Esse livro é realmente muito bom! Não tem como descrever completamente, em palavras, todas as emoções que ele passa. =)

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei