[Resenha] Renascer de um Outono


Renascer de um Outono
Samanta Holtz
Editora Novo Século, 2014
328 páginas


A vida aos dezoito anos está muito diferente do que Anna Hills havia sonhado. Sozinha em uma cidade estranha, reprovada no vestibular e demitida do emprego, ela enfrenta a difícil batalha para superar o desânimo e ir em busca de um lugar no mundo que possa chamar de seu. Determinada a deixar os fracassos para trás, Anna descobre nos classificados a vaga para baby sitter de uma garotinha que vive com o tio. No entanto, ela não imagina que aquele pequeno anúncio de jornal se tornará o passaporte para as maiores emoções da sua vida, colocando-a face a face com mudanças, escolhas e com John, o rapaz que amava em segredo desde a infância, em um encontro que os levará a desvendar o verdadeiro sentido do amor, da vida e da importância de fazer cada instante vivido valer a pena. Em uma tortuosa e apaixonante jornada, Anna descobrirá a força de uma grande amizade, a dificuldade de se conquistar o coração de uma criança e, acima de tudo, o poder transformador do amor, naquele que será o melhor e o pior outono da sua vida.


Em Renascer de um Outono a Samanta nos leva ao mundo da Anna Hills, uma garota que após passar por uma grande perda resolve sair de perto da família e tentar a vida em outra cidade. Ela sonha em ser veterinária, mas infelizmente não consegue e passa a trabalhar como garçonete, temporariamente, mesmo assim ela tem conseguido se virar bem, mas em um único dia tudo dá errado. Ela perde o emprego e tem problemas na moradia, nesse momento ela se sente destruída, mas Anna é essencialmente uma pessoa positiva e esperançosa, e começa a procurar novamente, até que encontra um emprego de babá em uma família maravilhosa que promete resolver todos os seus problemas. Mas que sem duvida terminou mudando toda a sua vida…

A personalidade da Anna me irritou um pouquinho, ela é positiva demais, boazinha demais, as vezes eu só queria sacudir ela e mandar ela bater em certas pessoas. Tem um momento do livro em que ela diz que nunca entende quando algumas pessoas dizem ‘ninguém pode ser tão feliz’ eu sou uma dessas pessoas. Não consigo imaginar alguém tão feliz, positiva e inocente. Mas a nossa protagonista é assim.

Será que eu conseguiria fazer isso? Abrir as portas do meu coração para uma mudança e convidá-la para entrar, como uma velha amiga?

A Anna sempre teve uma família estável e uma vida feliz, mas sempre acreditou em conquistar seus sonhos por conta própria, sem se encostar em ninguém. A Anna também é uma sonhadora, e desde pequena tem um amor platônico: John! Isso faz com que ela leia livros cujo autor seja John, escutar musicar de qualquer autor John, ela é meio que viciada em tudo que posso chegar perto de John, mas eles nunca trocaram uma única palavra, sempre foi tudo platônico. Até que ela o encontra na casa em que passa a trabalhar! E um lindo romance nasce. 

Mergulhei em um profundo mar de emoções, sentindo-o finalmente da maneira como sempre sonhei. Enlacei-o com força contra meu corpo e, enfeitiçada por seu calor, beijei-o como desejara beijá-lo por tanto, tanto, tanto tempo. O casaco escorregou das minhas costas, porém não me importei; já não sentia frio. Na verdade, não sentia mais nada; era como se o mundo tivesse se reduzido a nós dois, àquele lugar, àquele instante.

O John é um estudante de medicina, romântico e apaixonado pela vida. Ele de fato é o príncipe encantado que a Anna sempre sonhou.

Na vida da Anna há também o Ricardo, patrão da Anna e meu personagem favorito. Um homem incrível que aos vinte e poucos anos passou a ser guardião legal da sua sobrinha após os pais dela falecerem em um acidente de carro. E ele faz isso muito bem e com todo o amor possível. Ricardo é arquiteto e adequou sua vida para o melhor da Lauren, uma menina que sofreu muito na vida e que por isso tem muitos traumas, é para eles que a Anna passa a trabalhar, a Lauren é uma menina muito difícil de lidar, ela se recusa a deixar qualquer um entrar em sua vida, é sempre um desafio para a Anna cuidar de alguém que não quer ser cuidada.

A família da Anna é incrível, a apoia em todas as decisões e estão sempre prontos para recebe-la de volta em casa. Ela tem também uma melhor amiga maravilhosa que está sempre pronta para segurar e levantar a Anna.

As perdas que a Anna sofre nos mostra como a vida é preciosa. Como devemos aproveitar ao máximo aqueles que amamos, por que no segundo seguinte eles podem não estar mais aqui. O livro tem algumas reviravoltas que também nos mostram que nada é certo em nossa vida, por isso precisamos viver o dia de hoje. 


Quando amamos, nossa vida passa a significar alguma coisa para alguém. E, assim, nos tornamos importantes, mesmo sendo apenas um pontinho no mundo…

Fiquei um pouco carente no final, passei o livro todo sonhando com aquele momento, e ele passou tão rápido. Fiquei esperando uma descrição maior, eu queria viver aquele renascer junto com a Anna, e tive apenas um vislumbre dele.

Renascer de um outono é um livro maravilhoso, apaixonante, apaixonado e envolvente! A escrita da Samanta tem como maior propósito nos fazer sentir! Passamos o livro inteiro sentindo as emoções da Anna, sendo feliz e sofrendo junto com ela!




Detalhe para a adiagramação, que está incrível, cheia de detalhes e fofurices, normalmente eu tenho um preconceito com a Novo Século, por que já vi vários erros ortográficos e principalmente de tradução, mas preciso assumir que com Renascer de um Outono eles arrasaram!


3 comentários:

  1. Oi Lala,
    Ah, esse livro é uma graça mesmo. *-*
    Eu costumo adorar tudo o que a diva Sam escreve e com esse livro não foi diferente.
    O final foi uma surpresa pra mim e me fez chorar por dias, literalmente. É um livro bonito sobre como a vida passa rápido e como as coisas mudam de uma hora para outra. <3

    Beijos,
    Mariana Siqueira
    http://loveloversblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. gostei da história! vou atrás dele pra ler :D

    ainda to com 'Eu quero ser Beth Levitt' pra ler dessa autora, rs.
    obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  3. Querida Lala,

    Adoreiii ler sua resenha de "Renascer de um Outono" e saber a forma como a história e cada personagem foi sentido em seu coração!! Muito obrigada por dividir sua opinião sobre a história aqui no blog :)

    Beijos no coração!!
    Samanta

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...