[Entrevista] Exclusiva com S. C. Stephens

Que tal começar o dia com uma entrevista exclusiva com a S. C. Stephens??
Nós fizemos essas perguntas especialmente para a #SemanaIntensaDemais e a autora foi super gentil em nos responder.



Gostaria de começar falando um pouco do que eu achei de Intenso Demais. Fiquei espantada com o quanto gostei, e sou conhecida por não gostar de NAs, porque não gosto muito dos mimimis das personagens e como elas mudam de personalidade ao longo do livro. Mas os seus personagens são muito bem estruturados, muitas meninas reclamaram da indecisão da Kiera, mas ela teve seus motivos explicados no final do livro, e eu a achei tão real, não sei como te explicar a sensação que eu tive, de ler um livro que a mocinha é de verdade, cada pensamento e medo dela é de uma pessoa comum, e são justificados. Nada de mudanças de personalidades só porque está apaixonada. Simplesmente entrou para o meu top 10! Obrigada por compartilhar essa história! 

ELB: Após ler o livro, senti a complexidade do tema, não só do triangulo amoroso, mas também com relação à traição. Como surgiu essa ideia para um livro?
A ideia para o livro brotou de um sonho acordada que eu tive, sobre uma garota que estava atraída por um homem altamente irresistível enquanto ela já estava em um relacionamento com outro homem. Eu escrevi uma cena, e depois tive que descobrir o que aconteceria depois... Então eu continuei seguindo em frente.

ELB: Os nomes de cada livro são bem encaixados na história, é um sentimento muito bom quando você lê o título dentro da história e imediatamente se conecta com o que a autora quis dizer. Como foi a concepção dos títulos?
O primeiro livro foi chamado de Thoughtless ("imprudente" em uma tradução livre) porque Kiera sempre dizia sobre fazer coisas sem pensar. Eu usei a terminação "less" no segundo e no terceiro livro para que os leitores soubessem que são todos da mesma série.

ELB: O livro é enorme, foge do padrão, mas eu sou extremamente agradecida por isso, porque tem começo, meio e fim. Você teve que cortar muita coisa, ou o que você tinha na sua mente era isso mesmo? 
Eu reescrevi várias partes do primeiro livro, mas não teve grandes cortes. Eu não tinha ideia do tamanho médio de um livro quando comecei a escrever, então eu apenas continuei seguindo até que estivesse satisfeita.

ELB: Intenso Demais é um best-seller, como você reagiu com o sucesso do livro? Você esperava tudo isso?
Eu fiquei completamente surpresa com o sucesso de Intenso Demais. Nunca esperei que o livro fosse lido por tantas pessoas, então tudo isto é uma grande surpresa, e uma benção. Eu sempre fico assustada de ouvir que as pessoas gostaram dele.

ELB: A playlist da série é ótima. Você sempre escreve escutando músicas? Conte um pouco sobre a sua rotina de criação. 
Eu realmente sempre tenho alguma música tocando quando escrevo, ou eu caminho ouvindo música e deixo minha mente viajar. Eu acho que isto me ajuda a visualizar as cenas.

ELB: Sobre a Kiera, eu entendo que quando não é com você é bem mais fácil criticar uma pessoa em um relacionamento, mas eu a entendo, é difícil escolher entre os dois. Como foi a criação da personagem? 
Kiera é muito parecida comigo de muitas maneiras, então foi fácil imaginar como ela reagiria em cada situação que eu a coloquei. E depois do primeiro livro, onde ela cometeu tantos erros, eu queria que ela crescesse, e por causa desses erros que cometeu este crescimento levou tempo.

ELB: Você recebeu muitas críticas sobre a Kiera ? (Escutei muitos xingamentos) 
Sim. As pessoas amam odiá-la. Isto costumava me irritar, mas estou ok agora. Todos cometem erros no livro, nenhum deles é perfeito.

ELB: Kellan. O que dizer dele, sem suspirar, desejar e sonhar com ele. Confesso que eu só entendi esse amor que as meninas tanto falam depois de ler o livro. Como foi a criação do personagem? Ele sempre foi assim na sua cabeça, ou ao longo da história você foi mudando a personalidade dele? Você se baseou em alguém para criá-lo?
Kellan nasceu da música. Ele era a pessoa que imaginei cantando qualquer música que estivesse tocando na rádio. Sua personalidade e suas motivações mudaram ao longo do livro. Ela era mais um músico no primeiro esboço, e então seu passado foi revelado e isto mudou tudo sobre ele.

ELB: Denny. Todas as cenas com a Kiera e o Kellan são perfeitas, eles foram feitos um para o outro, muitas vezes enquanto estava lendo, eu esquecia que o Denny existia, era apenas os dois. Talvez se o Denny participasse mais no livro, eu ficaria muito mais chateada com a Kiera. Conte um pouco sobre a criação do Denny. 
Eu propositalmente deixei muita coisa fora sobre o relacionamento deles, porque eles já estavam estabilizados quando a história começou. É mais sobre eles se separando. Denny é o namorado bonzinho. Ele nunca faz nada terrivelmente errado, e é incrivelmente doce. Ele é o conforto, a segurança. Eu o amo.

ELB: Muitas meninas elegeram alguns modelos/atores para personificar os personagens. Para você, existe algum modelo/ator que se parece com seus personagens na vida real?
Denny foi baseado no Craig Horner, então eu pude vê-lo assim. Kellan e Kiera são imaginários, mas os fãs quase em sua totalidade escolheram Devin Paisley para ser seu Kellan Kyle.

ELB: Muitos fãs ouviram sobre o POV do Kellan e também o conto do Griffin. Você tem planos para mais livros, um de cada personagem dos D-bags, por exemplo? Eu compraria com certeza. 
Eu amo estes personagens, e eu não acho que irei deixá-los ir inteiramente algum dia. Eu não posso afirmar com certeza que terão mais livros, mas também não posso dizer que não terá!

ELB: Você também lançou a série Conversion. Conte um pouco sobre ela para os fãs que ainda não conhecem. 
A série Conversion é sobre uma mulher que se apaixona por um homem que é completamente normal aparentemente, mas ele tem um pequeno segredo. Ele é "um pouco" vampiro. Ainda está vivo, ainda tem batimento cardíaco, e come comida normal, mas ele também tem presas e acha sangue absurdamente apetitoso. A série é sobre ela aceitando a maneira como ele é, e sobre ele aprender a deixar alguém se aproximar. É muito mais light do que Intenso Demais, mas é cheia de personagens maravilhosos e de momentos dignos de um desmaio.

ELB: Você virá esse ano para o Brasil? Algo assim está nos seus planos? 
Eu ainda não tenho planos para um futuro imediato, mas eu amaria visitar o Brasil um dia!


Enfim, gostaria de dizer que amei Intenso Demais, senti várias emoções ao mesmo tempo, torci pela Kiera, e isso é raro, porque eu sempre torço para um dos caras. Sua escrita é fluida e a história é bem estruturada. Eu amei cada minuto que levei para ler o livro. Espero que Kellan faça tanto sucesso aqui no Brasil como aí. Saiba que os fãs brasileiros têm um carinho muito especial por você e esperamos sua visita.    

10 comentários:

  1. genteeeeeeeeeeeeee que tudo!
    eu adorei essa entrevista.
    vcs estão PODENDO! kkkkkkkk

    eu não podia imaginar que ela pensava em escrever um conto especial do Griff, meu personagem favorito dos D-Bags <3
    to pulando aqui na frente do computador.
    obrigada para quem fez a pergunta, me sinto um pouco esperançosa.

    ResponderExcluir
  2. O Livro é muito bom mesmo e a autora foi super fofa pelo jeito. Amo Kellan (quem não ama, rs)!!!

    ResponderExcluir
  3. Adorei a entrevista. Amo ler as autoras falando sobre seus livros, o que a levaram a escrever sobre os personagens! E Kellan é meu tudo forever♥.

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro essas entrevistas, é legal ver como ela pensou para criar os personagens!!!

    =)

    ResponderExcluir
  5. O Griffin na minha cabeça é o Chris Hemsworth

    ResponderExcluir
  6. Não imaginei o Craig Horner (adorava o seriado dele legend of the seeker) como Danny mas acho que combina sim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simmmmmm eu tb acho que combina... amava o legend of the Seeker!!

      Excluir
  7. A autora é divina. Muito legal a entrevista. Ela sempre criativa e autêntica ao falar com seus fãs. Amei saber mais deste lindo trabalho. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Amei a entrevista. Adorei saber sobre essa incrível série!

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...