30 abril 2014

[Resenha] Série Hex Hall



Vamos falar da Série Hex Hall. A primeira edição foi publicada no Brasil pela Galera, em 2011. O ano passado publicaram a 2º edição com a capa original. E esse ano a Editora fecha a trilogia publicando o ultimo da série. 

Não sei porque eu entrei na Vibe YA.. mas eu entrei... Acho que porque já me perguntaram dicas de livros para adolescentes, e eu não tinha muito o que indicar, sem ser os da Meg Cabot. Essa é uma pergunta complicada, porque tem livros YA que já entram um pouco no romance, e indicar livros para os filhos dos outros é extremamente mortal. 

A série gira em torno da Escolha Hecabe Hall ou Hex Hall, que dá o nome para a série. Essa escola, ou como a Sophie chama, reformatório, abriga todos os tipos de “prodígio” que cometem alguma infração grave.  Nessa escola Sophie conhece bruxas,  fadas, metamorfos, vampiros.... 

Sophie é uma bruxinha que muda muito de casa, morando apenas com sua mãe, elas estão em constante fuga, na sua última escolha ela faz um feitiço de amor para uma menina do colégio, e isso sai de controle, o que a expõe para os humanos. Então o Conselho a sentencia ao Hex Hall. 

No Hex, Sophie conhece Archer... mocinho sarcástico também, e que namora a mais popular e bitches da escola. Ela também conhece Cal, que trabalha lá, oferecendo seus poderes de curas. Sinto um triangulo, Vocês também? 

Com Sophie se acostumando com a rotina da escola, começa uma série de tentativas de assassinatos que envolvem sua melhor amiga e companheira de quarto, Jenna, uma vampirinha loira com uma mexa Rosa. Então Sophie se vê no meio de todas essas mortes, ao mesmo tempo que tenta inocentar Jenna, e descobrir o que ela realmente é de verdade.

"Ouvi o homem e a mulher berrando enquanto eu tentava pensar em algum feitiço que pudesse reconstruir meu pescoço, porque obviamente eu iria precisar. As únicas palavras que consegui berrar enquanto o lobisomem avançava foram “CACHORRO MAU!”"


No livro 02.. temos Sophie tentando se entender com sua verdadeira natureza. E lutando com uma organização que mata todos os Prodígios, que são todos os que possuem mágica. Essa organização, se chama L’Occhio di Dio. O Olho de Deus.

" O L’Occhio di Dio é a maior ameaça ao Prodígio. São um grupo de Roma e seu objetivo é acabar com cada um de nós. Eles acham que são cavaleiros sagrados, enquanto nós somos o mal que deve ser expurgado. No ano passado, só esse grupo foi responsável pela morte de mais de mil Prodígios."

Mas me parece que o Olho, é o menor dos problemas de Sophie.... quando finalmente vem a tona quem realmente está por trás dos ataques. 

E finalmente no Livro 03, parece que tudo está perdido, quando Sophie perde seus poderes, mas eles realmente sumiram, ou eles podem ser recuperados??? Temos mais grandes revelações da origem de Sophie, e o desfecho da história.


Eu não quis contar muito, porque eu não curto spoiler, então não gosto de dar. 
Mas eu gostei muito dos três livros. É muito dinâmico, você lê rapidinho.  Amei a Sophie, ela é sarcástica,  o que deixa o livro muito leve, e divertido ao mesmo tempo que é sobrenatural. 
Para quem não curte triângulos amorosos, esse não é, Cal nunca teve uma chance, desde o primeiro dia sempre foi Archer. Odiei o final que o Cal teve, acho que não merecia... mas .... é com a autora. 
Archer é o bad boy, que não é ... ele tem pitadas de sarcasmo como a Sophie, o que deixou os diálogos muito dinâmicos, e bem adolescentes ao meu ver, sabe quando o casal fica se alfinetando? é bem isso. 
Para quem procura livros para os filhos, não se preocupe não tem nada mais do que beijos inocentes.



Hex Hall

Hex Hall

Hex Hall


Valide seu comentário aqui:

Compartilhe!

15 comentários :

  1. Sabe, gostei muito de ler o primeiro livro da série. É leve e muito interessante. A estória é cativante e o tema do livro é de chamar bastante atenção. Sempre fui apaixonada por estórias deste tipo e quando posso sempre estou lendo sobre bruxas ou bruxarias. Agora quero ver se consigo ler os outros dois livros. Assim que puder. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Já tinha ouvido falar da trilogia, mas nunca li nenhum livro.
    Amo essas capas de paixão.
    Pela sua resenha parece ser uma história divertida. E eu amo personagens sarcásticos e garotos Bad Boys....
    Também nunca li nada da Meg, então só com esse post você fez a minha lista de desejados aumentar um metro kkkkk
    Bjokas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa ela me lembrou muito a personagem de a mediadora da Meg.. as duas séries são leves, divertidas, com toques sobrenatural e claro personagens sarcásticos que eu amo.

      Excluir
  3. Já tinha visto esses livros por aii, até li as sinopses mas ainda não conhecia ninguém que tivesse lido a série. É bom ler a resenha de alguém. parece ser interessante a série e divertida de ler. Vou pegar os livros para ler.

    Beijos,
    Bell

    http://contosdoguerreiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nenhum dos volumes desta série, e adorei conhecer um pouco sobre o enredo de cada livro! Pareceu ser bem interessante, curto muito estórias com elementos sobrenaturais e magia e fiquei curiosa para ler esta, pela personagem ser uma bruxa. Deve ter muitas aventuras. :)

    ResponderExcluir
  5. Eu geralmente me interesso por livros assim, pq amo o gênero, mas não sei pq não gostei dessa trilogia.

    ResponderExcluir
  6. Eu fiquei curiosa com o livro quando vi os posts de divulgação do terceiro na página do face da editora, pois até então eu não conhecia a trilogia. Fiquei bem curiosa a respeito e como adoro um bom YA sobrenatural logo entrou para a minha lista de desejados.
    Gente, foi só a mim que logo veio a imagem da Avril Lavigne ao ler a descrição da Jenna? Loira, mecha rosa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdadeeeeeeeeeee... mas é bem isso, será q a autora se inspirou.. pq a Jenna é pequena, loirinha com uma mecha rosa.. kkkkkk

      Excluir
  7. Adorei, Ludmila. Sou apaixonada por esse mundo dos sobrenaturais. Vampiros, lobisomens, bruxas, anjos, demônios, fadas... Todos me encantam. Mas meu ponto fraco são anjos e fadas. HAHA
    Sempre via as capas dessa série por aí, mas nunca parava pra ler algo, aí me vem a surpresa aqui. Amei o enredo e parece ter uma narrativa muito boa. Então, acho que valerá a pena colocar como prioridade na lista de compra. ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isla (Nome diferente),

      vamos conversar mais então.. adoro livros de anjos, mas sinto que sempre possuem o mesmo enredo.
      De fadas, eu tenho uma coisa, eu não gosto. kkkkk... não sei pq menina, me fala fada eu saiu correndo.. me fala um q vc gostou

      Excluir
  8. Olá, visitei seu blog e achei ele muito lindo *-* Estou seguindo. Parabéns pelo trabalho!
    http://apenasumaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. me incentivou ainda mais a ler!

    quando eu tiver atrás de algo bem leve já sei o que ler!!

    ResponderExcluir
  10. Sempre tive vontade de ler essa série, mas nunca me empolguei o suficiente =/
    Vou tentar, quem sabe eu gosto né?

    ResponderExcluir
  11. Adoro histórias sobre bruxas. Sua resenha me deu um incentivo a mais para ler essa série, parece que realmente vale a pena. Vou conferir. Beijos

    ResponderExcluir





Copyright © 2017 Every Little Book. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | OddThemes | ILUSTRAÇÃO: Yuumei