[Every Little Author] Kátia C. Dias






Confira a entrevista que a fofíssima Kátia concedeu ao ELB, na entrevista ela nos conta sobre seu primeiro livro Prata e Sangue 1- Família, autores favoritos e o lançamento do livro na Bienal RJ.



Quando e como você descobriu que queria ser escritora, e a reação das pessoas próximas a você?

Kátia: Acho que foi depois de Prazer. Mesmo Alvorada sendo minha primeira fanfic acho que só me envolvi realmente com escrever romance em Prazer e foi mágico, ainda é porque a fic não acabou. Minha família em si achou que era um sonho bobo porque eu desde pequena tenho uns rompantes de celebridade rsrs, então eles acharam que era só mais uma coisa que eu queria muito, mas ia deixar para lá. Quem mais apoiou foram os amigos e leitores e isso me deixou bem feliz.

Foi difícil lançar o livro? Não só escrever, mas de fato conseguir que ele fosse publicado?
Kátia: Difícil sempre é, ainda mais que o autor independente banca tudo ou quase tudo da publicação. Mas eu devo ser sincera e admitir que não foi tão difícil quanto eu imaginava, mas o que ocorre na verdade é que dos últimos anos, últimos anos digo desde o lançamento de A Batalha do Apocalipse, eu vi que os autores brasileiros ganharam um espaço mais considerável do mercado e tem Editoras mais interessadas na gente.

O que te fez querer escrever sobre Vampiros, lobos e criar o clã Conroy?

Kátia: Eu pensei: "Existem tantos livros de vampiros infanto-juvinel e new adult, mas poxa não tem um de lobisomem nesses modelos e quando tem são poucos e na maior parte sem muito destaque". Então pensando economicamente foi uma escolha burra porque com vampiros estaria alcançando um publico muito maior rsrsrs, mas não queria mais um livro sobre vampiros. É claro que ser Team Wolf na Saga Twilight teve um grande peso nessa decisão mesmo sem ser o fator crucial. Juntando tudo decido no fim o que me faria mais feliz em desenvolver e acabou sendo sobre os lobos. O clã Conroy foi nascendo aos poucos de tantos lugares que dava para escrever um livro sobre rsrsr, mas o sobrenome foi ideia do meu baby beta Weey.

Como foi a escolha do nome do livro?

Kátia: HAHAHA essa pergunta sempre vai ser polêmica. O nome original do livro era Lykanthropos, mas todo mundo para quem eu falava dizia que era muito difícil falar isso. Fiquei meio revoltada com isso porque eu não achava difícil, mas de uma hora para outra pensando no enredo do livro pensei em Prata e Sangue então simplesmente entrei no manuscrito e mudei. Simples assim. Eu gosto de dizer que foi um insight, mas nem sei o que foi exatamente kkkk O nome só veio na cabeça de repente e foi.

Conte-nos sobre Iris e Philipe?

Kátia: Nada de spoiler! Só posso prometer que Iris e Philipe ainda vão dar o que falar com a intensidade do relacionamento dos dois. Esse caso vai ser difícil porque são duas pessoas muito difíceis e muito machucadas com a vida que tiveram então amor não é um sentimento que nenhum dos dois conheça, mas eles vão se gostar, pelo menos se aturar .

Prata e Sangue é uma trilogia, você já está escrevendo o segundo livro?
Kátia: Sim, até o momento Prata e Sangue é uma trilogia. Sim, já estou com alguma coisa pronta para o segundo livro, mas preciso parar as vezes para fazer algumas pesquisas então não está pronta por enquanto
.
Quais são seus livros favoritos e quais autores a inspiram?
Kátia: Nossa, livro favorito... Na verdade são dois de nacional é A mão e luva de Machado de Assis e internacional é Gone da Lisa Mcmann, os dois me deixam pensando e não trazem aquele história de gente feita pela Disney. Gosto de histórias com pessoas que tem defeitos . Autores que me inspiram... No momento são até muitos, mas os que sempre estarão lista são Machado de Assis, Lisa Macmann, Sylvia Day, J K Rowling e Gena Showalter.

Como foi o lançamento do livro na Bienal?

Kátia: Foi realmente emocionante, fiquei muito feliz com a presença de todo mundo. Realmente é um dia que vai ficar marcado na minha vida para sempre não importa quantos livros eu venha a lançar.


Para quem ainda não leu a Resenha de Prata e Sangue 1- Família >>> Clique aqui




4 comentários:

  1. não conhecia a autora, mas adorei saber um pouquinho mis sobre ela :D

    beijos

    tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Livro maravilhoso e autora talentosa, combinação perfeita!!!

    ResponderExcluir
  3. Que entrevista fofa, adorei! Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...