[Entrevista] Jennifer Echols


Estava olhando o site da Simone Elkeles e tinha uma entrevista dela com a Jennifer Echols, e achei muito interessante.. então estou colocando para vocês.

A versão original: Blog Simone Elkeles




Jennifer Echols nasceu em Atlanta, e cresceu em uma pequena cidade em um belo lago no Alabama, um cenário que inspirou muitos dos seus livros. Seus nove romances para jovens adultos foram publicados em sete línguas e ganharam National Readers’ Choice Award, the Aspen Gold Readers’ Choice Award, the Write Touch Readers’ Award, the Beacon, and the Booksellers’ Best Award. Seu romance Going Too Far foi finalista no RITA e foi indicado pela American Library Association como melhor livro para jovens adultos. Simon & Schuster vai estrear seus romances adultos em 2013, com muitos mais dos seus romances adolescentes programados para os próximos anos. Ela mora em  Birmingham com seu marido e seu filho.




Eu sei que você escreve YA, New Adulto e romances para adultos. Qual é a sua coisa favorita sobre escrever para adolescentes e leitores em idade universitária?

Leitores mais jovens tendem a ser muito mais entusiasmadoa! Se eu pegar um e-mail de um leito com o assunto "LOOOOOOOOOOOOOOVED IT!!!!!!" Eu tenho certeza que é de alguém que gostou de um dos meus YA. E eu aprecio muito essas mensagens, porque isso é exatamente como eu me sentia sobre meus escritores favoritos de YA.

Eu já vi você falar em outras entrevistas que você escuta a trilha sonora de qualquer livro que você está trabalhando enquanto está correndo para que você possa continuar a trabalhar em cenas. Conte-nos um pouco sobre seu processo de desenvolvimento de sua trilha sonora e como isso funciona com a sua escrita.

Às vezes, o tipo de música é especial para o livro que estou escrevendo. Por exemplo, o meu próximo livro nos Estados Unidos é chamado de Dirty Little Secret , e é sobre amigos se transformando em amantes tentando tornar isso grande com a sua banda de música country. Então, é claro que a trilha sonora está repleta de todo o country e bluegrass favoritos. (Se você estiver curiosa, você pode ouvi-la no meu site aqui: http://jennifer-echols.com/dirtylittlesecret.html ) Mas, mais frequentemente, eu baixo um monte de músicas legais quando eu começo a escrever um livro, e essas canções se tornam a trilha sonora. Eu sou otima com música antes deu ser otima com literatura, então para mim, a estrutura e o clima das canções são mais importantes que as letras. As músicas são o fundo para o livro ao invés de material específico.
Ter uma trilha sonora funciona muito bem para mim. Hoje em dia, eu tenho tantos livros saindo que eu posso estar escrevendo um, revisando um segundo, e corrigindo um terceiro. Tudo o que tenho que fazer é marcar a trilha sonora, e eu me lembro exatamente a mentalidade que eu era e como eu me sentia sobre os personagens, quando eu escrevi o livro.

Como eu, eu sei que você também é uma mãe. Eu não sei sobre você, mas os horário dos meus filhos é mais ocupada do que o meu! Como e quando você encontra tempo para escrever?

Eu só tenho um filho e ele tem onze, então em casa ele muitas vezes faz suas próprias coisas. Eu o levo para muitas atividades:  futebol, aulas de bateria, ensaios com a banda de rock, mas eu simplesmente paro sozinha na sala de espera ou lá fora e continuo a escrever. Tenho notado, porém, que suas atividades estão rastejando para dentro dos meus livros. O herói e a heroína da minha YA que sai em maio 2014 são ambos bateristas!

Seu romance  Going Too Far (Longe Demais) é uma história sobre uma garota adolescente que se apaixona ... pelo policial que a prendeu. Eu sei que meus fãs gostem de histórias que empurram a fachada das pessoas, de modo que este deve estar definitivamente na listas! Por favor, conte-nos mais sobre isso.

Meg e John estão em lados opostos da lei, e em lados opostos de uma linha divisória entre a infância e a idade adulta. Mas quando ela está designada em fazer um passeio, juntamente com ele em seu turno da noite, eles percebem que eles tem apenas um ano e meio de diferença de idade, eles realmente estavam em uma aula do ensino médio juntos ... e eles têm um monte de coisas mais em comum do que qualquer um deles poderia imaginar quando ele colocou as algemas nela.

Todo mundo sabe que eu amo um menino mau! Em Such a Rush , você faz Leah escolher entre o menino de ouro, Alec e o viciado em adrenalina Grayson. Conte-nos mais sobre estes meninos e sua inspiração para eles.

Desde uma aula de faculdade chamada de "Sociologia da Família," Eu tive um fascínio com o filho do meio, aquele que não se sente responsável como o mais velho ou despreocupado como o mais jovem, e muitas vezes age apenas para evitar a queda das rachaduras. Embora Alec e Grayson são gêmeos, seu irmão mais velho sempre criou essa dinâmica de filho do meio para Grayson. Mas quando seu irmão morre pilotando um jet da Marinha dos EUA, Grayson passa a se tornar um adulto responsável pela família. E isso quase o parte no meio.

Fazer pesquisas é uma das minhas coisas favoritas sobre a escrita. Por exemplo, quando eu estava pesquisando as areas de gangues de Chicago para a minha série Química Perfeita, eu fui em uma viagem, juntamente com um detetive de Homicídios de Gangues do Departamento de Polícia de Chicago. Foi assustador e emocionante, tudo ao mesmo tempo! Qual é a mais interessante/emocionante coisa que você fez em nome da pesquisa?

Eu tive a idéia de Such a Rush, observando os aviões que puxam banners. Eles são geralmente pequenos com apenas dois assentos com cada instrumento de reposição retirados deles para torná-los mais leves. Os pilotos são frequentemente muito jovens, em idade universitária, porque eles estão tentando acumular horas suficientes para se tornarem pilotos de avião quando fizerem 23. Estes aventureiros, decolam e círculam por cima do aeroporto, mergulham para o chão, jogar um gancho para fora da janela, e baixam o suficiente para prender uma longa faixa de anúncio que a equipe de terra coloca. O banner é tão pesado que eles têm que apontar o nariz do avião para cima bruscamente para não cair de volta à Terra com a carga. Mas se eles apontam muito rapidamente, o motor irá parar. Se eles fazem isso no ar, eles levam algumas voltas ao redor da área, soltar a bandeira para que eles possam pegar outro, e o fazem mais uma vez.
 Eu não sou um piloto, e eu nunca quis ser. Mas o meu pai e irmão são pilotos e meu filho tem ama voar. Eu sempre achei que ter aquela vontade de estar no ar seria uma poderosa força motriz para um romance. Eu estava com meu pai quando eu assisti pela primeira vez os aviões que puxam banners, e ele me animou com a idéia. Então ele me pegou em seu avião algumas vezes e me falou através do que um piloto estaria pensando enquanto se sucederem essa façanha desafiando a morte.


No meu último romance YA, Wild Cards (que deve sair nos estados em outubro!) meu personagem principal é do Sul, o que significa que eu tive um monte de diversão em pesquisar frases do sul! Como um sulista que cresceu no Alabama e autor de Such a Rush, que acontece na Carolina do Sul, qual é a sua frase favorita do Sul?

Espero que este seja o seu livro de futebol. Eu realmente estava ansioso para este! Bem, você veio na fonte certa para frases sul. Eu sou tão imersa neles que eu não sei que estou usando-os metade do tempo, e meus editores do Norte me fazem cortá-los dos meus livros porque eles não têm idéia do que estou falando. Quanto a um ditado favorito: o Sul tende a ser protestante, e as senhoras aqui têm uma reputação de adicionar volume ao seu cabelo. O que dizer sobre isso é: "Quanto mais alto o cabelo, mais perto de Jesus".

Eu estou super ansiosa para ler Dirty Little Secret quando ele sai nos estados em julho! Por favor, conte-nos um pouco mais sobre ele.

Muito obrigada, Simone! Estou muito satisfeita com a forma como este romance acabou, e estou muito feliz com a bela capa. Um monte de musicos country e bluegrass tiverem seu início na infância, tocando seus instrumentos em festivais. Eles e seus pais esperam que eles vão ser descobertos por um olheiro de uma das gravadoras de Nashville. Eu me perguntava o que aconteceria com duas irmãs que cresceram tocando neses festivais, mas apenas uma delas foi aproveitada para um contrato de gravação, enquanto a outra foi deixado para trás e abafado à distância. Este livro é sobre a irmã que foi deixada para trás, e o que aconteceu quando ela finalmente foi descoberta,  uma devastadoramente sexy de 18 anos de idade, com um monte de shows em sua carreira e uma banda próprio que ele quer que ela se junte. E ele não vai aceitar um não como resposta.

 Desde que eu tenho certeza que fazer tantas entrevistas, eu só queria agitar um pouco e fazer-lhe algumas perguntas fáceis. Basta dizer-nos a primeira coisa que vem à sua mente:

Comida favorita?
Tudo de chocolate. Tudo isso.

Música favorito?
Oh, não. Eu simplesmente não posso. Há um milhão. Mas eu poderia começar com o Dirty Little Secret trilha sonora acima!

Local de férias favorito?
Em qualquer lugar na praia: todo o belo Panhandle da Flórida, La Jolla, na Califórnia, na ilha havaiana de Kauai. Eu amo todos eles.

Qual é o livro que você gostaria de ter escrito?
Nick & Norah Infinito Playlist por David Levithan e Rachel Cohn.

Qual é o seu filme favorito dos anos 80? (O meu é My Cousin Vinny ... Cito isso o tempo todo!)
Eu nunca vi esse filme, mesmo que tenha sido gravado em Alabama! Vou ter de ver isso agora que você já deu uma recomendação! Havia tantos grandes filmes desta década, mas o meu voto vai para The Empire Strikes Back . E Han Solo.

Você acha que o chocolate branco deve contar como chocolate?
Não, é apenas manteiga de cacau com os sólidos de cacau retirados. Eles separam os dois no processamento e depois os juntam novamente para terminar o produto. Com chocolate branco, eles simplesmente não os juntam novamente. Bem, nós precisamos de nossos sólidos de cacau. Caso contrário, qual é o ponto? (Vá em frente e me diga que eu sei demais sobre chocolate. Estou ciente.)

Obrigado pela visita!

Muito obrigado por me receber, e boa sorte com o seu livro em outubro!




Série :   The Boys Next Door

01 - THE BOYS NEXT DOOR.
02 - ENDLESS SUMMER.

Série : Stargazer

01 - STAR CROSSED.
02 - PLAYING DIRTY

Livros Únicos:

Going Too Far 
Forget You 
Love Story 
Such a Rush 
The Ex Games 
The One That I Want 
Major Crush 
Dirty Little Secret 
Levitating Las Vegas 


Série :  Superlatives 

01 -  Não divulgado
02 -  Não divulgado
03 -  Não divulgado






twitter username: jenniferechols







2 comentários:

  1. Oi Lu, realmente a autora é muito simpática, gostei muito da entrevista!


    Beijão.

    ResponderExcluir
  2. Aaai eu adoro essa autora!!
    Já li Gonig Too Far e Forget You, adoro!!
    Ansiosa pelos próximos, adoro livros com playlist!! xD

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...