[Review] The Vincent Boys


Livro 01 : The Vincent Boys
Continuação: The Vincent Brothers
Autora: Abbi Glines


Ser uma boa menina não tudo o que parece ser. Ashton Gray está cansada de fazer esse jogo para agradar seus pais, para ser digna do príncipe encantado da cidade, Sawyer Vincent. Por isso ela se encontra passando um tempo com o primo de Sawyer, Beau, enquanto ele está fora, acapando com a família. Beau não é nada como o namorado perfeito. Ele é o homem mais sexy que ela já viu, perigoso de maneiras que ela apenas um dia sonhou e um cara do qual ela deve ficar longe. Beau nunca invejou os pais amorosos de Sawyer, sua casa grande e agradável, ou sua posição como zagueiro. Ele o ama como a um irmão. É por isso que ele tentou de tudo que estava em seu poder para manter distância da namorada de Sawyer. Mesmo que ele a tenha amado desde os cinco anos, Ashton é a garota de Sawyer.

AMEI a capa desse livro e a sinopse, e adoraria poder dizer que é um dos meus favoritos, mas não foi isso que aconteceu. Para entender mais, vamos a resenha!

Na infância, Ashton era amiga inseparável de Sawyer e Beau Vincent, primos e quase vizinhos, mas isso muda quando Ashton e Sawyer começam a namorar. Ashton agora é uma adolescente de 17 anos que basicamente mente para todos a respeito de si mesma. Isso é que a personagem afirma veementemente, e o que me fez pensar "uhul, vem loucura das boas por aí!". O que não aconteceu. 

Seu relacionamento com Sawyer está estagnado na comodidade: ele é um ótimo amigo, ela o ama, mas não está mais apaixonada por ele. Se é que um dia esteve. Mas Ashton não esquece o quanto sente falta de Beau e das brincadeiras que faziam juntos. E então, no verão, Sawyer faz uma viagem com os pais e Ashton encontra companhia em Beau. Pausa para o Beau: quem de nós não têm uma queda (ou um tombo) pelo bad boy do livro? Isso é humanamente impossível! Mas bem, eles se reaproximam e se preparam para retomar a amizade perdida. Mas Beau é sexy e adorável, possui um lado selvagem que desperta a verdadeira Ashton. Mas aí que o livro pega pro lado ruim para mim. 

Eu esperava que o lado selvagem da Ashton fosse, bem... Selvagem. Esperei por isso e não foi o que eu tive. Ashton na verdade sente-se tolida pelos pais e pelo namorado pois todos agem de maneira politicamente correta e ela em momento nenhum tenta conversar com nenhum deles sobre suas próprias vontades. E quando ela está com Beau, que foi quando eu esperava pela ação, eu não via nada mais que uma adolescente normal. Mas enfim. Beau e Ashton acabam se envolvendo emocional e fisicamente, Beau culpando-se por amar muito o primo, mas nunca deixando de estar com Ashton. Daí o Sawyer volta de viagem, e não vou mais falar sobre nada, leiam o livro, rs!

Eu gostei do livro, entendem? Eu gosto do tipo de livro que quando você pega para ler, não consegue parar, e The Vincent Boys é assim. Abbi Glines consegue te envolver na escrita mas eu esperava muito mais da história! Os personagens revelaram-se fracos na minha opinião, com alguns deles aparecendo no meio do livro sem contexto nenhum, como a prima de Ashton. Na minha concepção, ela aparece simplesmente porque seria necessária no segundo livro. A história dos Vincents não me convenceu e a apatia da Ashton diante dos empecilhos em sua vida me deixou bastante incomodada. Mas temos sim cenas interessantes. Eu recomendo a leitura apenas para quem precisa de uma folga de livros complexos e cheios de emoção, ou de livros sobrenaturais. Recomendo para quem precisa de uma leitura fácil e rápida, mas não recomendo para quem busca um grande romance ou uma aventura selvagem. 

11 comentários:

  1. aiii eu entendo quando você vai ler um livro com muitas expectativas ... esse livro está muito bem comentado, muitas meninas morrendo por ele. Querendo ou não você cria uma expectativa.

    Mas eu quero ler ele sim, para conhecer a escrita da Abbi, ela está com todas as suas séries bem comentadas.

    eu gosto dessa capa, apesar deu gostar mais da outra capa (http://d.gr-assets.com/books/1355992532l/16172220.jpg)


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lud, leia sim por causa da Abbi, mas não espere grandes emoções com o livro! Mas para passar o tempo, no ônibus, no banheiro haha leia sim!

      Excluir
  2. Adorei a resenha e concordo plenamente!
    Li esse livro recentemente e pensei isso tbm... fiquei esperando o lado selvagem aparecer, e ainda estou esperando!
    Mas o Beau? Oh God... delicia!
    Esse livro me tocou logo no começo pela relação da Ashton com a avó, sou exatamente assim com a minha, e quando 'aquilo' aconteceu me senti no ligar da Ashton e quase morro (Y)
    Maaaas enfim... Espero que o segundo seja melhor!
    A escrita da Abbi sem duvida conquista e é uma leitura rapida e gostosa.

    Lud, leia sim! É um bom livro, excelente? Não... mas é bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Laura, eu nunca tive uma relação assim com minha avó e eu gostei bastante dessa parte do livro... Mas fiquei com medo de dar spoiler e nem falei sobre isso! Vamos ler o segundo e torcer para fazer mais sentido!

      Excluir
  3. Apesar de ter adorado a resenha, a sinopse e a capa, assim como você, confesso que estou saturada desse tipo de história clichê, ainda mais quando ela não é bem desenvolvida. Adoro um clichê, desde que bem escrito e que consiga me provocar certas emoções. De qualquer forma valeu a dica. Beijão, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mi, The Vincent Boys provoca umas emoçõezinhas sim, bem pouquinhas, mas provoca rs... Mas é super previsível, bem clichê mesmo! beijos

      Excluir
    2. concordo, sempre q um livro bomba, só sai livro iguais!

      Excluir
  4. Olha, eu vi esse livro há algum tempo no Goodreads e tive vontade de ler, mas não estava disposta a entrar de cabeça em mais um livro com mocinha que trai o namorado (principalmente depois que li Thoughtless e The Mighty Storm, ambos com essa temática)...
    Odeio personagens que traem e depois ficam se sentido culpados por isso ou escondendo e enganando quem traiu... (Pensasse nisso antes de trair, não é mesmo!?) Não sei se ocorre isso nesse livro, mas não quis correr o risco.
    De qualquer forma esse livro ta na minha lista de 'um dia', porque eu adorei os dois livros que eu li dessa autora (Fallen Too Far e Never Too Far) e deixo a dica aqui... São ótimos, do tipo que não dá pra parar de ler até terminar...

    Nina, adorei a resenha, acho que inclusive vou encarar esse livro depois que terminarem minhas provas! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jess, eu tô super a fim de ler Toughtless! Já vi que vou acabar comparando os dois... E anotei a dica, adorei a escrita da Abbi, vou ler Fallen Too Far!!

      Excluir
    2. A Jess eu ia falar isso

      li umas meninas falando que os outros livros de Titia Abbi tb deixa a desejar , agora não sei, vou pegar para ler sim, o problema é o tempo né!! huhuhuh

      Excluir
  5. Estou lendo o segundo livro e adorei a história, concordo que o lado selvagem da ash não é bem mostrado pela autora no primeiro livro, mas ela conta sim no decorrer da história o que a ash faria com Beau e não faria o sawyer, não é nada demais claro, mas é aquela coisa de adolescente revoltada... O que mais gostei no livro é que a autora coloca para o leitor todos os lados da história mostrando o que cada personagem principal pensa sobre aquilo.Bom, adorei a resenha e o blog(muuito lindo aqui). Beijos, onehipster.blogspot.com

    ResponderExcluir

Laura Lendo...

Lud Lendo...

Luiza Lendo...